Conceito » Ecología » Furacão Felix

Furacão Felix - Conceito, o que é, Significado

Na madrugada de 04 de setembro, de 2007, um furacão de força 5 na escala Saffir-Simpson atingiu a costa da Nicarágua e parte dos territórios de Honduras e Guatemala. E como todos os furacões tem um nome, este foi chamado de Felix. Graças ao sistema de previsão meteorológica foi possível identificar a origem do furacão no Caribe, sendo desta maneira, capazes de coordenar ações para combater seu efeito destrutivo.

Principais danos e intervenção humanitária

A força do vento ultrapassou os 250 km/h e sua trajetória destruiu mais de 140 comunidades próximas à costa do Atlântico. Mais de 300.000 pessoas sofreram seus efeitos, 102 morreram, houve um total de 73 desaparecidos e mais de 17.000 pessoas tiveram que abandonar seus lares. Milhares de casas foram destruídas, mais de um milhão de hectares de floresta foram devastados e muitas comunidades se tornaram campos de refugiados temporários.

A passagem do furacão Felix afetou particularmente as regiões atlânticas da Nicarágua. Houve danos ambientais de todo tipo: morte de peixes nas lagoas, redução da vegetação marinha, migração de macacos a outros ecossistemas, campos de plantações destruídas, danificação dos mangues dos rios, etc. Estas alterações ambientais trouxeram consequências sobre a cadeia alimentar dos animais e afetaram a pesca e a caça como atividades de subsistência. Trinta dias após o furacão, as águas dos rios estavam totalmente poluídas.

Em poucos dias, um programa de ajuda humanitária internacional desembolsou cerca de 40 milhões para realizar o trabalho de emergência e para o restabelecimento das infraestruturas básicas. Deve-se destacar que após o furacão, tiveram que ser tomadas várias medidas para controlar possíveis incêndios florestais e distribuir medicamentos entre as populações afetadas.

A história das catástrofes naturais na Nicarágua

Alguns especialistas acreditam que a situação geográfica da Nicarágua é propícia para certas catástrofes naturais. Neste sentido, diziam por aí que este era um país "multiameaça".

Em 1835, o vulcão Cosiguina causou uma erupção que estremeceu toda a América Central.

Em 1971, o furacão Edith de categoria 5 causou efeitos similares ao furacão Felix de 2007.

Em 1972, houve um terremoto que particularmente afetou a capital, causando mais de 19.000 mortes e a destruição parcial da Manágua.

Em 1988, o furacão Juana gerou a evacuação de mais de 300.000 pessoas.

Em 1992, um tsunami na costa do Pacífico causou grandes destroços e mais de 170 mortos.

Imagem: Fotolia. sdecoret

Relacionados:

  1. Furacão
  2. Inundação
  3. Eolionimia
  4. Mar Mediterrâneo
  5. Rohingya
  6. Efeito Coriolis
  7. Vento Zonda
  8. Ilhota
  9. Rohinyá
  10. Talidomida