Odaxelagnia - Conceito, o que é, Significado

O desejo sexual é satisfeito habitualmente com as relações sexuais convencionais, ou seja, um preâmbulo amoroso seguido do coito. Entretanto, a sexualidade vai muito mais além do coito, uma vez que existe uma série de práticas que podem causar prazer e excitação, mas que não estão associadas ao ato sexual. Estas práticas são conhecidas como parafilias. Uma dessas parafilias é a odaxelagnia, que consiste na busca do prazer através de mordidas no corpo. As pessoas que têm esta inclinação se excitam quando mordem seu parceiro ou parceira em alguma zona erógena do corpo (pescoço, lábios, peito, etc.) ou então quando são mordidas pelo outro.

A odaxelagnia é uma das parafilias mais comuns

A odaxelagnia tem certa semelhança com outras parafilias, especialmente com o sadismo e o masoquismo. Deve-se ressaltar que nestas três parafilias o prazer e a excitação sexual são obtidos através da dor. No caso da odaxelagnia, a dor pode ser leve (por exemplo, uma pequena mordida no lábio) ou então mais intensa como uma mordida que deixa mancha ou vermelhidão no parceiro.

O “estranho” desta tendência sexual depende do grau de dor que se infringe ou padece. Em sua versão moderada, a odaxelagnia é uma inclinação sexual que não provoca rejeição, pois socialmente não é considerada perigosa nem imoral. Obviamente, se as mordidas são de grande intensidade e com risco evidente à saúde, esta prática sexual deve ser tratada através de alguma terapia.

Embora a odaxelagnia faça parte das parafilias ela é, portanto, uma conduta sexual atípica, uma das parafilias mais aceitas, uma vez que há um número significativo de pessoas que sentem prazer mordendo ou sendo mordidas.

O mundo das parafilias

A estimulação sexual é conhecida popularmente com a palavra masturbação. As pessoas podem sentir vontade de se masturbar de diversas maneiras: apreciando uma dança, pelo voyeurismo, fetichismo, de pessoas com idade avançada, pelo cheiro das pessoas, observando alguém que dorme, entre outras. Há parafilias de todos os tipos:

1) As que são consideradas estranhas, mas que são toleradas por ser consideradas inofensivas, por exemplo, a coreofilia é a excitação através da observação de alguém que dança;

2) As que manifestam um provável transtorno psicológico, por exemplo, atração por manequins e bonecos;

3) E aquelas que parafilias que são consideradas diretamente ilegais ou antissociais, por exemplo, atração sexual por cadáveres ou masturbação pelas relações incestuosas.

Imagem: Fotolia. jujik

Próximo - Conceitos >>

Leitores continuaram: