KamaSutra - Conceito, o que é, Significado

O Kamasutra é um texto indiano criado por Vatsyayana registrado nos séculos IV ao VI. Trata-se de um livro dedicado a adorar o amor carnal e por onde surge a vida. A palavra Kama sutra deriva de Kama, que quer dizer Deus do amor e de Sutra que significa norma.

Este texto originalmente escrito em sânscrito foi traduzido a todos os idiomas. É talvez um dos livros mais conhecidos do mundo e que ainda hoje segue em vigência.

O amor carnal como meio para alcançar o Nirvana

A cultura indiana vê no amor carnal algo sagrado e filosófico, na qual as diferentes posições sexuais são descritas tanto na escritura do Kama sutra como no ornamento de uma grande quantidade de templos sagrados em toda a Índia. Esse é o caso do Templo de Surya, localizado na cidade de Konarak, onde o tema erótico é usado para adorar o sol e que corresponde ao Deus Surya. Nesta cultura, cultivar o amor carnal era uma forma importante de alcançar o Nirvana, estado em que a alma se liberta do sofrimento como de seu ciclo de renascimentos.

Kama Sutra, o mais antigo e ainda vigente manual de erotismo e sexualidade

Este texto aborda vários aspectos relacionados à vida plena do indivíduo, que inclui o erotismo e a sexualidade como parte importante da vida. No entanto, grande parte do seu conteúdo se refere ao preâmbulo sexual com técnicas para beijar, morder e acariciar o parceiro (a) a fim de obter estimulação sexual, assim como vários tipos de jogos sexuais, entre os quais se descreve a forma de acariciar a vagina da mulher ou o pênis do homem com a boca, o que conhecemos hoje como sexo oral.

Parte importante do texto ilustra as diversas posições que podem ser usadas durante o ato sexual. Abrange um total de 64 posições que se complementam com a forma de mover-se e ajudar o casal a alcançar um maior grau de penetração e estimulação e assim atingir o clímax durante o sexo.

O kama sutra não limita o sexo apenas para um casal, ele também inclui o sexo grupal como parte do erotismo na vida do indivíduo.

Kama sutra: masculino, feminino e o terceiro sexo

Embora a mulher seja completamente relegada ao homem, a mesma desfruta do direito de uma sexualidade plena e satisfatória. Muitas das posições sexuais descritas no Kama sutra dão um papel ativo à mulher durante a relação sexual, enquanto que o homem atua com um papel passivo com ações que proporcionam mais prazer a sua parceira, como as carícias em zonas erógenas como seios, clitóris e nádegas.

Outro aspecto interessante é o tema da homossexualidade. A tradição hindu considera que qualquer ser, independentemente do seu fenotípico sexual, não é completamente feminino ou masculino, inclusive abrange a possibilidade de um terceiro sexo que combine com ambos. Neste sentido, o Kama sutra engloba o amor carnal entre indivíduos do mesmo sexo.

Imagem: Fotolia. Nastya Tepikina

Próximo - Conceitos >>

Leitores continuaram: