Conceito » Ciência » Teoria do Caos

Teoria do Caos - Conceito, o que é, Significado

As teorias científicas convencionais se ocupam de fenômenos previsíveis, como a gravidade, as reações químicas e a eletricidade. Em compensação, a teoria do caos está focada em fenômenos não lineares que não podem ser previstos, tais como as turbulências, o clima, o movimento das bolsas de valores ou o estado mental dos indivíduos.

Em termos matemáticos se fala da matemática fractal para referir-se a este tipo de fenômeno (as propriedades fractais da natureza estão presentes nas nuvens, paisagens, rios ou órgãos humanos). O professor James Yorke, nascido em Nova Jersey em 1941, é considerado o pai da Teoria do Caos.

A teoria do caos procura explicar a complexidade biológica

Dentro do estudo do corpo humano é conhecido o funcionamento dos tecidos e órgãos que o constituem e suas interações, mas não é possível explicar totalmente o que está relacionado com cada, uma vez que se trata de um trabalho inesperado e imprevisível.

No estudo de algumas espécies de insetos se observa que cada um tem uma conduta em função do conjunto da comunidade. Portanto, os zoólogos falam de um "superorganismo" para explicar o comportamento social destes animais.

São conhecidas as partes de um neurônio e suas conexões, mas é impossível prever o que um indivíduo pode fazer com tudo isso.

Os três exemplos acima são representativos dos sistemas complexos que não podem ser explicados atendendo a cada uma das partes que a compõem, mesmo assim é necessário ter um modelo explicativo para referir a sua complexa totalidade. Este modelo é precisamente a teoria do caos.

A metáfora do efeito borboleta é um conceito próprio da teoria do caos

Vamos imaginar que um dia saímos de casa alguns minutos mais cedo do que o habitual e por isso conheceremos uma pessoa que será fundamental para o resto de nossas vidas. Este simples exemplo nos permite lembrar que é impossível prever o efeito de alguns acontecimentos aparentemente irrelevantes.

Este fenômeno é conhecido como efeito borboleta, pois se afirma de modo metafórico que um simples bater de asas de uma borboleta pode ser o primeiro passo para acabar produzindo uma tempestade a milhares de quilômetros.

O que vem a dizer a ideia do efeito borboleta é que o mundo inteiro não funciona de forma organizada e lógica, uma vez que as leis tradicionais da ciência não são suficientes para explicar esta desordem caótica.

Para referir-se à civilização humana, os especialistas em teoria do caos afirmam que o sistema de relações humanas apresenta um caos que os seres humanos procuram organizar.

Imagem: Fotolia. kevron2001

Próximo - Conceitos >>

Leitores continuaram: