Cosmogonia - Conceito, o que é, Significado

O termo cosmogonia vem do grego kosmos, que significa universo, e de gignomai, que quer dizer nascimento ou gênese. Assim, a cosmogonia é um relato, normalmente mítico, que explica a criação e a ordem do universo e, ao mesmo tempo, o surgimento dos seres humanos.

As diversas concepções do universo formam a origem das diferentes civilizações da antiguidade.

A Cosmogonia do Antigo Egito

De acordo com a mitologia dos antigos egípcios, no início do mundo não havia Céu nem Terra, havia apenas um oceano infinito que continha todos os elementos do universo. O espírito do mundo se encontrava disperso no caos, mas esse mesmo espírito tomou consciência e assim nasceu Ra, o deus do Céu e do Sol. Por causa de sua força criou tudo o que existe no mundo.

A Cosmogonia Maia

Para os antigos maias o universo era formado por duas realidades: o Céu e o Submundo. Para esta civilização o mundo se encontrava em absoluto repouso e sem vida, mas seis divindades cobertas de plumagens verdes e que descansavam nas profundezas das águas, decidiram criar a Terra e tudo o que existe nela.

A partir desse momento, a Terra tinha seu próprio espírito ou coração. Nela crescia uma ceiba cujas raízes atingiam o submundo e suas folhas alcançavam níveis diferentes no Céu. Em seguida, nasceram as plantas, os animais e, por último, os seres humanos (feitos de lodo).

O cosmos maia apresenta três níveis: Caan ou céu, Caab ou terra e Xibalba ou submundo. Paralelamente, o universo está organizado por critérios geométricos.

A cosmogonia grega é conhecida através de relatos mitológicos de Homero e Hesíodo

De acordo com as histórias de ambos os poetas, num primeiro momento existia caos. Deste caos surgiu Gea ou Terra e Eros ou o Amor. Estes deuses criaram a escuridão, a luz, o céu estrelado, a discórdia, as montanhas e tudo o que existe.

Em seguida, nasceu o deus Cronos, pai do Tempo, que se casou com Rea. Da união de Cronos e Rea nasceu Zeus, o deus que acabou dominando o Olimpo dos deuses.

As várias cosmogonias apareceram num período em que não havia nenhuma ciência

Desde Copérnico e Galileu a astronomia é a ciência que explica a ordem do universo. Neste sentido, as explicações astronômicas equivalem às histórias da cosmogonia do mundo antigo.

Atualmente, a teoria do Big Bang explica a origem do universo e sua expansão. Esta teoria está integrada na cosmologia, um ramo da astrofísica.

Imagem: Fotolia. Vadimsadovski

Próximo - Conceitos >>

Leitores continuaram: