Conceito » Educação » Inteligência Musical

Inteligência Musical - Conceito, o que é, Significado

Existem diferentes tipos de inteligência. Sem dúvida, a teoria de Gardner, criador das inteligências múltiplas mostra que não é positivo classificar nenhum ser humano de modo estereotipado quando há diversos talentos que podem ser potencializados. E um dos talentos mais importante é o musical.

Uma habilidade de compreender e apreciar os ritmos e a estética musical em diferentes formas e manifestações.

Teoria das Inteligências Múltiplas de Gadner

A inteligência musical pode ser uma referência na capacidade de poder apreciá-la assim como para poder criá-la. Portanto, as pessoas que têm um talento especial para este tipo de habilidade podem aumentar sua excelência neste campo através dos trabalhos de composição, interpretação e criação.

Como qualquer tipo de talento presente no ser humano, a inteligência musical é uma habilidade que se educa de modo consciente. Ou seja, é necessário receber formação, uma vez que fica difícil aprender por si só a tocar qualquer tipo de instrumento. A inteligência musical mostra a capacidade de uma pessoa para entender conceitos fundamentais, como harmonia, ritmo, musicalidade, o significado das notas de um pentagrama e seus tempos.

Inteligência musical nos bebês

A inteligência musical também está presente nos bebês através da capacidade de criar seus próprios sons com balbucios. Existem diversos sintomas de inteligência musical, por exemplo, ter a capacidade de identificar a trilha sonora de um filme que corresponde a certa melodia, ou ainda, apaixonar-se por escutar diferentes gêneros musicais e poder apreciar a beleza de cada um.

A inteligência musical também parte da capacidade de uma criança poder imitar os sons que ouve de determinado ambiente. A inteligência musical começa a desenvolver-se de modo de paralelo à competência linguística. O desenvolvimento desta capacidade se nutre dos benefícios da musicoterapia.

Por exemplo, a música melhora os níveis de concentração e atenção, além do mais pode melhor o estado de espírito e humor da pessoa.

Os bebês também se mostram receptivos ao responder os estímulos do entorno, ou seja, reagem sobre o que ouvem porque o sentido da audição melhora a memória auditiva. Em última análise, a inteligência musical nos ajuda a interpretar o mundo em sua perspectiva auditiva.

As aulas de solfejo nos conservatórios são essenciais para desenvolver este tipo de inteligência.

Imagem: Fotolia. Lane Erickson

Próximo - Conceitos >>

Leitores continuaram: