Conceito » Ciência » Prelúdio

Prelúdio - Conceito, o que é, Significado

A palavra prelúdio vem do latim praeladium e significa a experiência prévia de algo. Assim, prelúdio é aquilo que permite introduzir algo diferente. Desta maneira, as nuvens escuras são o prelúdio de uma tempestade, assim como os beijos podem ser o prelúdio de uma relação amorosa. Portanto, estamos diante de um termo que expressa os momentos iniciais de um acontecimento posterior.

Pode-se dizer que o conceito prelúdio é utilizado quando se quer dar a entender que algo vai acontecer. Isto se deve a sequência lógica de muitos acontecimentos cotidianos, tais como beijos amorosos, nuvens e tempestades, insultos e violência, etc. O prelúdio de algo é sempre uma antecipação ou um aviso.

Um aviso daquilo que vai acontecer

Certos acontecimentos são frequentes de tal forma que primeiro acontece algo e logo vem outra circunstância. Vamos pensar no carnaval, esta festa popular é o prelúdio da quaresma. O mesmo acontece com os ciclos da natureza, por exemplo, a mudança de tempo e o aspecto de campo faz parte do prelúdio da primavera. Do ponto de vista cultural, o prólogo de um livro é um texto cuja função significa anunciar ou introduzir uma obra. Por outro lado, deve-se destacar que o verbo preludiar equivale a preparar, enunciar ou antecipar.

Deve-se resaltar que o prelúdio nem sempre é usado num sentido restrito (A é prelúdio de B), mas pode ser empregado num sentido figurado.

Assim, quando se afirma: “Seus olhares tímidos e suas mãos trêmulas foram o prelúdio de uma intensa história de amor” significa a descrição romântica de um acontecimento e a palavra prelúdio é utilizada para enfatizar a mensagem.

O prelúdio musical

No contexto musical, o temo prelúdio tem outro significado. Originariamente, o prelúdio se refere aos momentos iniciais de uma atuação na qual um músico ou vários deles tocam seus instrumentos e improvisam algum tipo de som para preparar antes da apresentação. Com o passar do tempo, este sentido original foi mudando e a partir do século XV o conceito prelúdio passou a ser usado como peça independente e como gênero musical definido.

Na linguagem musical, o prelúdio é uma peça livre que precede a outra, por exemplo, uma fuga ou uma toccata. Também há prelúdios musicais para algumas apresentações de dança ou como parte introdutória de uma ópera. A partir do século XIX, o prelúdio musical passou a ser entendido de maneira totalmente independente, portanto, não antecedia nenhuma peça musical, da mesma forma que acontece com os 24 prelúdios de Chopin ou algumas criações de Debussy.

Imagem: Fotolia - illustrissima

Próximo - Conceitos >>

Leitores continuaram: