Conceito de Ideias Secundárias

Ideias-SecundariasO conjunto de ideias que utilizamos pode ser dividido em dois blocos: as primárias e as secundárias. As primeiras são essenciais e definem o aspecto fundamental de uma realidade concreta. Já as secundárias são acessórias e dependem hierarquicamente das primárias.

Em todo argumento ou raciocínio existem ideias que são principais, ou seja, são os pontos destacados desse discurso pessoal. Entretanto, estas ideias principais contam com o reforço das ideias secundárias, estas últimas que são muito valiosas e contribuem com aspectos positivos do ponto de vista pessoal.

Saber distinguir a ideia principal das complementares

Um dos pontos mais importantes na oratória consiste precisamente em saber diferenciar claramente quais são os pontos de destaque numa exposição oral e quais são as ideias secundárias para poder contribuir com uma estrutura lógica nesta exposição.

Contribuir com argumentos

Do mesmo modo, esta diferenciação também é essencial ao aplicar uma das técnicas de estudo mais habituais na compreensão de um texto: o sublinhado. Ao sublinhar em um texto as ideias destacadas com alguma cor chamativa é indispensável grifar apenas as informações que são valiosas. As ideias secundárias de um texto são aquelas que trazem informação complementar, ideias derivadas de um argumento principal. Atuam como se tratasse de um complemento.

Existe uma relação de ligação entre a ideia principal e a ideia secundária de um texto, estão relacionadas entre si na qual o significado completo de uma ideia secundária pode ser compreendido melhor em relação ao ponto de vista principal. Estas ideias têm uma função de reforço na mensagem, como também trazem mais justificativas e aspectos concretos à mesma.

Como identificar a ideia principal do texto

O uso das ideias secundárias não significa dar rodeios. Existe um ponto importante para diferenciar qual é a ideia principal de um texto daquela que é secundária. A ideia principal é aquela que mesmo com a diminuição do parágrafo continua tendo o mesmo valor e significado por si só. Em compensação, não ocorre o mesmo com o resto das ideias.

Esta aprendizagem tem grande valor, uma vez que permite melhorar a compreensão da leitura, da comunicação oral e a ter melhor domínio da linguagem através da expressão escrita com uma estrutura mais coerente. Por outro lado, esta compreensão traz mais eficiência para a comunicação.

Na compreensão dos acontecimentos

Além dos textos, organizamos a realidade em nossas mentes a partir da distinção entre a ideia principal e ideia secundária. Pode-se dizer que a ideia principal é o “o que" e a secundária é o "como". Vamos imaginar a cena de um crime. O investigador precisa observar o que aparece no local e em quais condições, de maneira secundária deve reconstruir como poderiam ser os fatos.

Na filosofia ocidental as ideias se organizam seguindo o esquema das primárias e das secundárias. Aristóteles explicava a realidade de uma coisa diferenciando a substância dos acidentes e os filósofos empiristas distinguiam entre ideias simples e complexas.

Foto: lechatnoir I iStock

Referencia autoral (APA): Editora Conceitos.com (set., 2015). Conceito de Ideias Secundárias. Em https://conceitos.com/ideias-secundarias/. São Paulo, Brasil.

Copyright © 2010 - 2022. Editora Conceitos, pela Onmidia Comunicação LTDA, São Paulo, Brasil - Informação de Privacidade - Sobre - Contato