Conceito » Saúde » Ossos do Braço

Ossos do Braço - Conceito, o que é, Significado

Os membros superiores, geralmente chamados de braços, consistem em três partes: o ombro, o braço e o antebraço.

Estas estruturas contêm uma série de ossos que dão forma e suporte aos músculos regionais, permitindo-lhes realizar vários movimentos.

Ossos do ombro

A região do ombro permite a união do membro superior ao tronco. Ali estão dois ossos, a escápula e a clavícula, também envolvem a parte superior do úmero, que corresponde ao osso localizado no braço.

Clavícula. A clavícula é um osso alongado, com duas curvaturas que lhe dão uma forma semelhante à da letra "S". Este osso está localizado na parte anterior do ombro e no tórax. Está ligado por sua parte anterior ao esterno, um osso localizado na parte anterior da caixa torácica e posterior à escápula, formando a articulação acromioclavicular. Esta articulação permite a realização de movimentos de elevação do braço acima da cabeça.

Escápula. Também conhecida como omoplata. Este osso está localizado na parte posterior do ombro, está situado sobre as costelas de tal forma que pode deslizar sobre elas, em sua parte anterior se articula com a clavícula por meio de uma extensão chamada acrómio. Em sua parte externa contém uma depressão chamada de cavidade glenóide através da qual se articula com a cabeça do úmero formando a articulação glenoumeral, que permite a flexão, extensão e a rotação do braço.

Ossos do braço

O braço é a parte do membro superior localizado entre o ombro e o cotovelo.

Esta estrutura contém um único osso: o úmero, este é o osso mais longo do membro superior. Sua parte superior é volumosa e se chama cabeça do úmero, esta se junta à escápula formando a articulação glenoumeral. Sua parte inferior apresenta duas estruturas volumosas, uma de cada lado, com a qual se articula com o cúbito e o rádio, formando assim a articulação do cotovelo.

Ossos do antebraço

O antebraço é a parte inferior do membro superior, está localizado entre o cotovelo e o pulso.

O antebraço contém dois ossos: o cúbito, também chamado de ulna e o rádio. Estes se unem em sua parte superior ao úmero, na parte inferior se articula com os ossos que formam o pulso, conhecidos como ossos do carpo.

A presença destes dois ossos permite realizar um movimento de rotação da mão fazendo a palma ir para frente (supinação) e para trás (pronação).

Ossos da mão

A mão é uma estrutura complexa composta por 27 ossos distribuídos da seguinte forma:

Carpo. Corresponde ao pulso e contém 8 ossos distribuídos em duas fileiras.

Metacarpo. Contém 5 ossos chamados metacarpianos.

Dedos. Ali se encontram ossos pequenos chamados falanges. Os dedos indicador, anular médio e mínimo têm 3 falanges enquanto que o polegar contém apenas dois, somando um total de 14 falanges em cada mão.

Imagens: Fotolia. 7activestudio, nerthuz

Próximo - Conceitos >>

Leitores continuaram: