Conceito » Religião » Calendário Hebraico

Calendário Hebraico - Conceito, o que é, Significado

O calendário gregoriano é universal e entrou em vigor no ano de 1582; antes disso era utilizado o calendário juliano. Como todos já sabem, a distribuição anual do tempo na maioria dos países está organizada em doze meses e vai de janeiro a dezembro. Alguns meses possuem 30 dias, outros 31 e fevereiro 28 ou 29 dependendo se for um ano bissexto. A partir deste sistema, os 365 dias do ano correspondem à órbita da Terra em torno do Sol. No entanto, os judeus usavam outro sistema completamente diferente. Sua principal característica consiste na distribuição do tempo conforme os movimentos da Lua, enquanto que o gregoriano se baseia nos movimentos do Sol.

Origem histórica

O início deste calendário começou quando o povo de Israel saiu do Egito

Assim, o início do exílio é o princípio do ano e esta questão está expressa no Antigo Testamento, mais especificamente no Êxodo 12: 2. Este mês era conhecido pelos hebreus como o mês de Abib (atualmente este mês se chama Nisan).

Os hebreus da antiguidade começavam o dia quando o Sol surgia no horizonte e não a partir da meia-noite. Este sistema também é baseado no Antigo Testamento, especialmente na Gênesis 1: 5.

Características do calendário hebraico

Este calendário está baseado no que os antigos israelitas chamavam de ciclos lunares. Segundo a tradição hebraica o ciclo lunar faz parte do tempo que a Lua gira em torno da Terra e este movimento tem uma duração de 29 dias, 12 horas, 44 minutos e 3 segundos. Esta medição do ciclo lunar foi um cálculo matemático introduzido a partir do século IV e estabeleceu um aperfeiçoamento do calendário hebraico original.

O calendário hebraico conta com meses de 29 dias e outros com 30 alternadamente, consequentemente, no ciclo lunar anual há um total de 354 dias

Da mesma maneira que o calendário gregoriano, o hebraico inclui o ano bissexto (este mês é adicionado a cada 19 anos para coordenar o ciclo solar e o ciclo lunar).

Há um total de doze meses ao ano e cada um tem um significado espiritual (por exemplo, o último mês do ano está destinado ao exame da consciência individual; já o primeiro mês do inverno está associado à esperança, pois com a chegada do inverno, esperam-se fortes chuvas para as plantações).

Se tomarmos como referência o ano de 2016 o calendário universal corresponde ao ano hebraico de 5776. Nissan é o nome do primeiro mês para os judeus e corresponde ao mês de março ou abril do calendário gregoriano, dependendo do ano. Durante este mês, celebra-se a Pésaj ou Páscoa judaica, jornada que se comemora a libertação do povo de Israel do período de escravidão no Egito antigo.

Imagem: Fotolia. Amelie

Relacionados:

  1. Ano Bissexto
  2. Bar Mitzva
  3. Massacre dos Inocentes
  4. Antigo Testamento
  5. O Pentateuco
  6. Hosana
  7. Torá
  8. Brit Milá (Bris)
  9. Meca
  10. Tanach