Conceito » Religião » Hosana

Hosana - Conceito, o que é, Significado

Trata-se de uma palavra hebraica utilizada no contexto da liturgia judaica e cristã. Pode ser traduzida normalmente de várias maneiras: "salve-nos, senhor", "nós te rogamos, salve-nos", "salve" ou "ajude-nos". De qualquer forma, esta é uma fórmula de louvor ao Criador, que com ela expressa gratidão, submissão e gozo profundo.

No contexto bíblico

Em várias passagens das Escrituras Sagradas, mais especificamente no Novo Testamento, aparece este vocábulo hebraico, mas de maneira muito especial é empregada para referir à entrada triunfal de Jesus Cristo em Jerusalém.

Diferentemente de outros grandes personagens históricos, Jesus Cristo entrou em Jerusalém de maneira muito humilde: montado nas costas de um burro. Após sua chegada, foi recebido por uma multidão que carregava ramos de oliveira em sua homenagem e durante sua trajetória o povo o aclamava dizendo "Hosana ao filho de Davi".

A partir desta expressão as pessoas lhe mostravam respeito e veneração, pois era considerado o novo messias que havia sido anunciado no Antigo Testamento. Embora Jesus Cristo tenha sido seguido e respeitado por muitos, outros o consideraram um impostor.

Deve-se destacar que Jesus Cristo, como todos os judeus de seu tempo, dirigiu-se a Jerusalém para celebrar a Páscoa Judaica ou Pessach. Este momento comemorava o episódio em que Deus libertou o povo judaico da escravidão no Egito com o fim de levá-los à Terra prometida.

No Domingo de Ramos entre os católicos e na Festa dos Tabernáculos entre os judeus

Na Igreja Católica e nas diversas confissões cristãs, a entrada de Jesus Cristo em Jerusalém é celebrada no dia de Domingo de Ramos, integrada à Semana Santa. Durante a celebração desta festa, as palmas são abençoadas e as passagens bíblicas sobre a Paixão de Cristo são lidas durante a missa.

No judaísmo, a palavra hosana é mencionada nas sinagogas em um conjunto de salmos conhecidos como a recitação de Hoshanot. Estes salmos adquirem um significado especial na celebração da Festa dos Tabernáculos ou Sukkot.

Em suma, este termo hebraico é empregado tanto por católicos como judeus. Para os primeiros, faz parte do contexto da Semana Santa, enquanto que na Páscoa Judaica deve ser entendida em relação à saída do Egito e ao início do êxodo para a Terra prometida.

Imagem: Fotolia. Drobot Dean

Próximo - Conceitos >>

Leitores continuaram: