Conceito de Valores Negativos/Contravalores

Lilén Gomez | Outubro 2022
Professora de Filosofia

AntivaloresSão chamados antivalores, contravalores ou valores negativos a uma série de valores sociais que, geralmente, são considerados negativos. Entendemos por valores as qualidades que se estimam sobre algo ou alguém como, por exemplo, ter coragem, dizer a verdade, comprometer-se com os outros, etc.

Embora todos os indivíduos tenham certos valores, nem sempre estes são compartilhados por todos, mas podem variar de uma pessoa para outra, de um grupo social para outro ou de uma cultura para outra. Nesse sentido, o que em um determinado contexto é considerado um valor positivo, em outro contexto pode ser tomado como um valor negativo.

Polaridade e classificação dos valores

A possibilidade de certos valores entrarem em contradição se dá pela qualidade da polaridade que caracteriza sua constituição. De acordo com essa qualidade, todos os valores se manifestam na forma de um valor positivo com seu antivalor correspondente. Por exemplo, —seguindo a classificação axiológica de J. Muñoz em Materiais para Ética Cidadã (1998)—, dentro dos valores religiosos: o sagrado se opõe ao profano; dos espirituais: a verdade (lógica) opõe-se a falsidade, o justo (ético) ao injusto, e o belo (estético) ao o feio; dos virtuais: o fraco ao forte; e, finalmente, dentro dos valores úteis: o agradável se opõe ao desagradável, o adequado ao inadequado e o conveniente ao inconveniente.

Outra classificação possível, de acordo com as diferentes dimensões do ser humano, propõe como categorias:

(I) valores corporais, contra os quais os valores negativos são aqueles que ameaçam a integridade física, ou seja, fome, doença, exaustão.

(II) valores intelectuais, aos quais se contrapõem como valores negativos aqueles que impedem o desenvolvimento cognitivo, como analfabetismo, ignorância ou dogmatismo.

(III) valores individuais, cujos antivalores negam a autonomia e a liberdade das pessoas, por exemplo, na obediência.

(IV) valores morais, relativos ao bem e ao dever, perante os quais a mentira, a injustiça ou a violência são consideradas valores negativos.

(V) valores estéticos, em relação aos quais o desagradável ou o feio constitui um antivalor. Os

(VI) valores sociais, ligados às interações do indivíduo na sociedade, de modo que seus valores negativos são aqueles que colocam em tensão os laços interpessoais, como o individualismo ou o egoísmo;

(VII) os valores econômicos, vinculados à justa distribuição dos recursos materiais, contra os quais se contrapõem como valores negativos a acumulação e a carência excessiva, bem como o consumismo e a miséria.

(VIII) valores religiosos, com os quais o ateísmo se confronta.

(IX) valores ecológicos, focados no cuidado com o meio ambiente, cujo oposto é sua destruição.

Valores e sociedade

Cada grupo humano, sociedade ou cultura produz e reproduz determinados valores, considerados positivos. Enquanto os valores consistem em personagens que são considerados desejáveis, sendo assim aspirados, por outro lado, os valores negativos são rejeitados, pois implicam um prejuízo. A falta de um valor não implica necessariamente a presença de seu antivalor correspondente, mas que valores e antivalores podem ocorrer de forma independente.

A era atual tem sido caracterizada, a partir de diferentes teorias, como um momento de "crise de valores", típico das sociedades modernas. Outra leitura possível nesse sentido indica que não seria uma crise de valores, mas sim uma manifestação dos valores em que se baseia a sociedade sob os termos do modo de produção capitalista. Nesse sentido, na medida em que a sociedade é dominada pela acumulação de capital, ela não admite outros valores, pois tal acumulação impõe como condição o aprofundamento das desigualdades entre os indivíduos.

Portanto, não seria possível falar de sociedades sem valores, pois toda sociedade é sempre regulada por uma ordem simbólica na qual um dever/ser é articulado normativamente. Essa expressão, a rigor, se referiria à transformação de alguns valores por outros.

Artigo de: Lilén Gomez. Professora de Filosofia, com desempenho em ensino e pesquisa em áreas da Filosofia Contemporânea.

Referencia autoral (APA): Gomez, L.. (Outubro 2022). Conceito de Valores Negativos/Contravalores. Editora Conceitos. Em https://conceitos.com/antivalores/. São Paulo, Brasil.

Copyright © 2010 - 2023. Editora Conceitos, pela Onmidia Comunicação LTDA, São Paulo, Brasil - Informação de Privacidade - Sobre