Fenomenologia - Conceito, o que é, Significado

FenomenologiaA fenomenologia deve ser entendida como uma área da filosofia, da mesma forma que a metafísica, a epistemologia, a ética, a lógica e a filosofia de direito, entre outros ramos. A filosofia é um saber geral e a fenomenologia se apresenta como uma maneira de focar no pensamento filosófico.

O termo fenomenologia vem de fenômeno, que em filosofia se refere a tudo aquilo que aparece diante da mente. Em outras palavras, uma coisa é a realidade por si só e outra completamente diferente é como esta realidade se apresenta em nosso pensamento.

Os mais variados aspectos da fenomenologia

Como ideia geral, a fenomenologia analisa como os fenômenos baseados na realidade se entendem. A partir desta visão global, a fenomenologia pode ser entendida e orientada de diversas formas:

- Como uma teoria das aparências, na qual significa que por trás de uma ideia existe sempre algo propriamente concreto e por onde os filósofos tentam compreender a complexidade de como parecem ser as coisas, sobre o que são de verdade e em relação às palavras com as quais expressamos as ideias.

- Existem correntes filosóficas que enxergam a fenomenologia como um processo evolutivo da razão. Nesta linha de pensamento, o filósofo romântico Hegel sentenciou que a fenomenologia de espírito age como uma complexa reflexão sobre a evolução da razão humana. Segundo Hegel, o homem criou uma razão ou uma lógica de maneira gradativa. Em uma primeira etapa o homem foi criando uma consciência sensível (de uma sensação inicial para uma percepção), em seguida apresentou outro nível (da percepção de algo para o entendimento) e, por último, o processo racional que leva à autoconsciência individual, ou seja, a uma área do pensamento. Neste sentido, deve-se ressaltar que Hegel definiu a fenomenologia como a ciência da consciência.

- Em geral, os filósofos que se encontram na corrente da fenomenologia afirmam que existem apenas aparências (os fenômenos) na realidade. Consequentemente, tudo aquilo que se encontra além dos fenômenos é algo inexistente ou se trata de algo que não é possível conhecer. Isso significa que através da fenomenologia, entende-se que não existe um mundo evidente e real, pois tudo aquilo que conhecemos do mundo é mera aparência.

- Como movimento filosófico, a fenomenologia se contrasta com as correntes baseadas na subjetividade como também com o pensamento pragmático.

Enfim, a fenomenologia deve ser entendida como um caminho próprio da filosofia. Esse caminho ou método tem como finalidade refletir e debater partindo de três aspectos: uma realidade exterior, o entendimento humano e as palavras que tentam conectar o mundo e nossas ideias.

Foto: iStock, themacx

Próximo - Conceitos >>

Leitores continuaram: