Conceito » História » Torres Gêmeas (Atentado)

Torres Gêmeas (Atentado) - Conceito, o que é, Significado

Em 11 de setembro de 2001 as Torres Gêmeas da cidade de Nova York foram derrubadas por um ataque terrorista. Dois aviões comerciais se chocaram contra dois arranha-céus e causaram quase três mil mortes e milhares de feridos.

Segundo a versão oficial dos fatos, o cérebro desta operação foi o líder da Al Qaeda, Osama Bin Laden. Desde então, não deixaram de aparecer qualquer tipo de especulação e versões sobre a verdade dos fatos.

As principais interpretações

Afirma-se que o atentado foi realmente um autoataque dos Estados Unidos, com o objetivo de justificar um posterior ataque ao Afeganistão e Iraque.

Segundo a versão oficial, Bin Laden tomou a decisão de destruir as Torres Gêmeas porque culpava os Estados Unidos de agredir o Iraque, da situação na Palestina e por causa da Guerra do Líbano de 1982. Desta maneira, os ataques terroristas de 11 de Setembro foram um ato de vingança contra a política externa dos EUA no Oriente Médio.

Alguns analistas afirmam que o atentado às Torres Gêmeas tem uma relação direta com os conflitos internos entre as várias doutrinas do mundo islâmico.

Um dos debates ocorridos está relacionado com a morte de Bin Laden em 2011

Sobre este assunto há todo tipo de suposição: que na verdade ele não está morto, que a versão oficial não é nada mais do que uma montagem, que Bin Laden já havia falecido anteriormente, etc.

Em relação à queda das Torres Gêmeas, após o impacto dos dois aviões, existe todo tipo de dúvida, já que foram construídos para resistir o impacto de um ataque e segundo os especialistas o fogo não foi a verdadeira causa de sua destruição. Por tudo isso, chegou-se a afirmar que as Torres Gêmeas foram derrubadas por demolições controladas.

De outro ponto de vista, afirma-se que as várias teorias da conspiração são nada mais do que estratégias de marketing promovidas pelos meios de comunicação.

O impacto do 11 de Setembro nos Estados Unidos e em todo planeta

No ano de 2004, em Madrid, e em 2005, em Londres, também ocorreram atentados terroristas com as mesmas características.

Para alguns historiadores, o 11 de Setembro representa uma profunda divisão entre o Oriente e o Ocidente. Este acontecimento tem marcado o rumo da humanidade nos últimos anos. Para alguns o terrorismo islâmico se tornou um fenômeno de escala global. Neste sentido, a queda das Torres Gêmeas em 11 de Setembro é lembrada como o dia em que o mundo mudou.

Imagem: Fotolia. Brad

Próximo - Conceitos >>

Leitores continuaram: