Conceito » Ecología » Mineração a Céu Aberto

Mineração a Céu Aberto - Conceito, o que é, Significado

Em países como México, Argentina, Bolívia, Chile e Austrália ocorrem a prática da mineração a céu aberto, denominada assim porque as jazidas se encontram na superfície da terra e não em seu interior. Portanto, o conceito mineração a céu aberto deve ser entendido em oposição à mineração subterrânea.

A mineração a céu aberto consiste na remoção de minerais que são de grande utilidade para obter todo tipo de matéria-prima, especialmente o ouro, a prata, o ródio e a platina. Estes minerais são empregados na fabricação de dispositivos eletrônicos ou para reservas de ouro de instituições bancárias.

Como os minerais são obtidos?

Para extrair os minerais o primeiro passo consiste na fragmentação das rochas através do sistema de detonação. Para realizar este tipo de processo, utiliza-se um explosivo com agente oxidante (normalmente o nitrato de amônio) e em seguida se realiza a explosão do terreno. Esta fase inicial é realizada com todo tipo de medidas de segurança para minimizar o impacto sobre o meio ambiente e reduzir os riscos para os trabalhadores.

Para que o sistema de detonação não afete negativamente a estabilidade dos terrenos próximos às minas são utilizados sismógrafos.

Na fase seguinte, as rochas são transportadas a um determinado local que dá lugar ao processo de trituração ou moedura. A trituração é feita em várias fases:

1) na trituração primária são empregadas as rochas maiores;

2) em seguida as rochas passam para um círculo de trituração secundária e terciária;

3) o produto final apresenta um tamanho inferior a uma polegada.

Quando as rochas já são trituradas, há duas opções possíveis: se a rocha fragmentada é um óxido será transportada por caminhões especializados, mas se a rocha for um sulfureto é enviada a um moinho na qual o mineral se converte em areia.

O impacto meio ambiental da mineração a céu aberto

Embora as empresas deste sector tenham de cumprir normas rigorosas que respeitam o meio ambiente, este método de mineração gera um impacto negativo evidente. Por um lado, são empregados produtos como cianeto, chumbo e ácido sulfúrico, afetando a qualidade do solo e das águas subterrâneas. Paralelamente, os ecossistemas próximos às minas são alterados e a flora e a fauna deixam de se regenerar segundo os ciclos naturais.

Além dos efeitos contaminantes, esta atividade tem um impacto negativo no turismo e nas populações indígenas próximas a estas jazidas.

Imagem: Fotolia. Gudella

Relacionados:

  1. Matéria-Prima
  2. Rocha Ígnea
  3. Manancial
  4. Esmeralda
  5. Denim
  6. Boro
  7. Guerra do Pacífico
  8. Fotossíntese
  9. Final Aberto e Final Fechado
  10. Gêiser