Espécie Endêmica - Conceito, o que é, Significado

Uma dos ideais mais importantes, mas ao mesmo tempo ligeiros dentro da biologia são as espécies endêmicas. Este conceito é usado para designar todas as espécies, tanto da fauna como da flora, que pertencem a determinado espaço, com clima, relevo e recursos específicos que não foram encontrados em nenhum lugar do mundo.

Diferentemente como ocorre na maioria das espécies de seres vivos que podem ser encontradas em vários lugares ao mesmo tempo, as espécies endêmicas têm a característica de poder sobreviver em base da existência de elementos particulares, por isso o fato de serem deslocadas para outras regiões com fins de estudo, análise ou exposição podem ser um perigo para sua sobrevivência.

As espécies endêmicas e suas principais características

Quando falamos de espécies endêmicas nos referimos a todos os animais ou plantas características exclusivamente de um lugar do planeta. Isto é comum em certas regiões com características climáticas, de recursos, biomas e relevos bem específicos que não são possíveis em outros espaços. Isto quer dizer que o ambiente é um grande elemento que influencia a existência de espécies endêmicas.

É provável que estas espécies sejam abundantes em seu lugar de origem porque as condições das quais estão expostas favorece ou permite a fácil adaptação, enquanto que não podem conseguir em outros espaços. As espécies endêmicas são muitas vezes chamativas e dignas de ser analisada, mas é importante levar em conta que por existir apenas uma região do planeta, seu cuidado deve ser ao extremo para não extinguir-se por completo.

As espécies endêmicas como motor do turismo

É inevitável pensar nas espécies endêmicas sem analisar o efeito que os seres humanos podem ter sobre elas. Um dos elementos mais comuns é que as espécies endêmicas tendem a criar uma grande atração turística em determinadas regiões, pois há muitas pessoas que querem conhecer e avistar animais ou plantas que só podem ser encontrados em um único lugar.

Um dos exemplos mais claros é a Ilha de Galápagos, que pertence ao Equador e faz parte de um reduto de espécies endêmicas ainda não encontrado em outro lugar do planeta. Especialmente os répteis como os iguanas e as tartarugas gigantes são espécies endêmicas deste arquipélago, assim como é importante destacar que parte da principal economia equatoriana passa pelo turismo desta região.

Charles Darwin e as espécies endêmicas

Entre as contribuições do biólogo inglês Charles Darwin, devemos mencionar seu estudo e análise de espécies endêmicas, que influenciaram e inspiraram sua teoria sobre a evolução das espécies.

Darwin realizou durante sua juventude e idade adulta inúmeras viagens à América para estudar os animais e plantas que se encontravam no continente e que ainda não eram bem conhecidas na Europa, assim, entendeu-se que havia espécies que nunca foram registradas em nenhum outro lugar do mundo com características especiais e resultado de um processo de adaptação particular do ambiente.

Imagem: Fotolia. shocky

Próximo - Conceitos >>

Leitores continuaram: