Conceito » Geografia » Vento Zonda

Vento Zonda - Conceito, o que é, Significado

O movimento do ar que ocorre na troposfera é um dos fenômenos naturais mais frequentes. Para referir-se a ele utilizamos a palavra vento. Existem basicamente dois tipos de ventos: os planetários (aqueles que são produzidos pelos movimentos terrestres de rotação e translação) e aqueles que ocorrem em uma determinada área.

O zonda é um vento característico do território ocidental argentino

Destaca-se por sua alta temperatura, secura e intensidade. Provém das montanhas e sua ação descende ao território plano. É produzido pelo efeito das correntes de ar frio que provém do Oceano Pacífico. É mais comum entre os meses de maio e novembro.

Quando o fluxo de ar descende para o território plano, uma grande quantidade de poeira é produzida no ambiente e esta circunstância dificulta a visibilidade. Como regra geral, sopra mais intensidade durante as horas da tarde e com menos força durante a madrugada ou nas primeiras horas do dia. Como outros ventos, o zonda é dividido em três categorias de intensidade: moderada, severa e muito severa.

Sua intensidade provoca efeitos sobre a população

A força deste vento ocasiona vários danos: rupturas em edifícios, queda de árvores e cabos de alta tensão, interrupção do fornecimento de energia, prejuízos às plantações, incêndios florestais, etc. Quando sopra em áreas de alta montanha acelera o processo de evaporação da neve e é bem provável que ocorram avalanches ou deslizamentos de terra potencialmente perigosos.

Efeitos sobre a saúde

Os médicos egípcios e gregos da antiguidade já observavam que a ação do vento tinha consequências sobre a saúde. A ação do zonda sobre a saúde tem sido estudada de maneira rigorosa. São muitos os efeitos negativos que este vento pode desencadear: dor de cabeça, estados depressivos e mau humor, agrava os transtornos de ansiedade e provoca estados de pânico.

As pessoas com transtornos mentais são especialmente sensíveis a seus efeitos. Por outro lado, o zonda pode causar problemas respiratórios, infecções oculares e problemas dermatológicos.

O Foehn e os ventos desérticos são muito similares

O vento Foehn é característico do norte dos Alpes. Destaca-se por sua intensidade e secura. Provém das áreas montanhosas e ao descender esquenta.

Seus efeitos são tão nocivos como os do Zonda, pois provocam um mal-estar físico e psicológico e também produzem todo tipo de dano na agricultura e nas áreas habitadas.

Imagem: Fotolia. piccaya

Relacionados:

  1. Eolionimia
  2. Clima
  3. Troposfera
  4. Duna
  5. Oceano
  6. Efeito Coriolis
  7. Ciclogênese
  8. Eixo Terrestre
  9. Rosa dos Ventos
  10. Motilidade