Triângulo Amoroso - Conceito, o que é, Significado

Em uma relação de casal aparece todo tipo de sentimento. Entre eles, podemos destacar o amor apaixonado, o carinho, o ódio e o ciúme. Além dos sentimentos e das paixões, dentro da relação de um casal, pode surgir um elemento de discórdia, uma terceira pessoa. Quando isso ocorre, fala-se de um triângulo amoroso.

Esquema geral de um triângulo

A maioria dos triângulos apresenta uma situação de conflito. Um dos protagonistas sente atração por outra pessoa que não é seu parceiro e aí se vê diante de um dilema: terminar o relacionamento e tentar um novo com a terceira pessoa ou então renunciar o amor desta terceira pessoa por algum motivo. Naturalmente, cabe outro caminho alternativo: manter uma relação paralela com o amor inicial e o novo amor.

De qualquer forma, há três figuras: um que duvida, a vítima que ignora o sentimento do seu parceiro por outra ou outro e, por último, a terceira pessoa em discórdia ou novo amor. Este esquema é o mais comum, mas não é o único. Deve-se destacar que muitas vezes os casais traçam um pacto de uma relação mais aberta e permitem que o outro se relacione com um terceiro.

As relações triangulares estão associadas a sentimentos complexos, tais como a culpa, a traição ou o engano. De qualquer forma, a existência de um triângulo amoroso é preocupante porque se apresenta como uma ameaça à monogamia e contra a ideia da fidelidade conjugal.

O triângulo amoroso é mais antigo que os próprios triângulos da geometria

Do ponto de vista histórico, a geometria conhecida até hoje começou com Euclides, no século III a.C. Em compensação, o triângulo amoroso não tem uma data precisa, pois é uma realidade tão antiga como a própria humanidade. Neste sentido, vale a pena recordar que na Ilíada o personagem de Ulisses se encontra inserido em um triângulo amoroso, uma vez que deseja regressar com sua esposa Penélope, mas no caminho se depara com a charmosa Calipso. A personagem Penélope também se encontra em um conflito triangular, pois espera a chegada de seu esposo e ao mesmo tempo se vê pretendida por outros homens que a amam.

O poliamor é uma solução possível diante do conflito do triângulo amoroso

As relações triangulares são muitas vezes problemáticas e dolorosas para alguns dos seus protagonistas. Não existe uma receita definitiva para resolver este tipo de conflito, mas a abordagem do poliamor pode reduzir o sentimento de culpa associado às relações triangulares.

Da mesma maneira que sugere a palavra poliamor, trata-se de manter diferentes relações sentimentais ao mesmo tempo. Assim, se o casal for defensor do poliamor é possível incorporar o triângulo com toda normalidade e sem enganos.

Imagem: Fotolia. Ernest

Próximo - Conceitos >>

Leitores continuaram: