Conceito » Filosofia » Consciência Social

Consciência Social - Conceito, o que é, Significado

Ter consciência de algo significa ter conhecimento suficiente. Em outras palavras, quando nossa razão nos permite conhecer uma realidade, dizemos que somos conscientes.

Do ponto de vista da psicologia, a consciência do indivíduo expressa sua predisposição racional para entender o mundo a sua volta.

A consciência social

Como indivíduos, somos conscientes do que se passa ao nosso redor e esse grau de consciência é precisamente a essência da nossa consciência social como indivíduo. Por outro lado, a própria sociedade é formada por uma entidade autônoma, neste sentido qualquer coletividade também tem certa consciência social. Assim, quando dentro da sociedade são reconhecidos certos problemas que afetam de alguma maneira a todos se forma uma consciência social coletiva.

Consciência social no marxismo

Na filosofia marxista o conceito de consciência social é fundamental. Assim, cada grupo social tem certo nível de consciência. Os trabalhadores têm ou deveriam ter consciência da sua categoria para serem reconhecidos como um coletivo. Quando não são reconhecidos como categoria, é impossível que possam transformar sua realidade.

Para Marx, a exploração dos trabalhadores é o elemento chave para despertar sua consciência coletiva. Não se trata de uma reflexão teórica, mas sim de um primeiro passo para mudar a realidade e o modelo social.

Consciência social e participação

Uma pessoa pode ter muita informação sobre os problemas que afetam a sociedade (desemprego, pobreza, exploração, etc.). No entanto, conhecer a realidade não é o suficiente para mudá-la. Por esta razão, algumas pessoas optam por participar ativamente de algum projeto. Existem várias maneiras de colocar em prática uma consciência social transformadora, mas todas elas passam por uma participação ativa. Entre os milhares exemplos de participação podemos destacar os seguintes: doações financeiras, colaboração solidária, projetos de voluntariado com organizações não governamentais, etc.

Inimigos da consciência social

A maioria das pessoas afirma que tem consciência social em relação às injustiças que estão ao seu redor ou em outras partes do mundo. Entretanto, é bem provável que este tipo de afirmação seja uma forma de autoengano ou uma simples declaração de boas intenções.

A consciência social em sua dimensão individual ou coletiva apresenta uma série de “inimigos poderosos”: a cruel competitividade, o individualismo, a supremacia cultural, a globalização, o consumo de energia não responsável, etc.

Imagem: Fotolia. dmitrymoi

Relacionados:

  1. Solidariedade Social
  2. Conscientizar
  3. Consciência
  4. Objeção de Consciência
  5. Fotografia Documental
  6. Trabalho Alienado
  7. Luta de Classes
  8. Terceira, Quarta e Quinta Dimensão Espiritual
  9. Idealismo Alemão
  10. Pessoa