Conceito » Alimentação » Sorvete

Sorvete - Conceito, o que é, Significado

O sorvete é um alimento universal preparado a partir de alguns ingredientes básicos: chantilly, água, açúcar e edulcorantes para dar certo sabor. Depois de misturar estes ingredientes, procede-se uma unidade de pasteurização e uma fase de esfriamento final.

É um produto refrescante, cremoso e ideal para consumo durante o verão. Apresenta tamanhos, formas e sabores bem diferenciados, com água, leite e creme. Do ponto de vista nutricional, tem elevado nível calórico. A lista é sabores é praticamente interminável, mas os mais populares são de limão, chocolate, morango e baunilha.

Quanto à sua preparação, existem dois tipos: uma caseira e outra à máquina. O lugar gastronômico responsável por sua elaboração e venda é a sorveteria e o artesão que fabrica é o sorveteiro.

Um produto associado à infância

Por ser um produto bem refrescante, doce e com todo tipo de sabores, o sorvete é muito atraente para o público infantil. Na verdade, as sorveterias ficam decoradas com cores vivas e um ambiente que se conecta ao gosto das crianças.

Do ponto de vista científico, o sucesso do sorvete entre as crianças tem uma explicação: seu consumo ativa as exorfinas no cérebro e isso gera uma sensação de bem-estar e prazer.

Uma pincelada histórica

Sua origem exata é desconhecida, mas é muito provável que o primeiro sorvete seja o resultado de bebidas refrigeradas com gelo ou neve trazidas das montanhas. As bebidas congeladas são o antecedente gastronômico dos sorvetes. Acredita-se que na China surgiu a primeira receita e posteriormente se espalhou para a Índia, Pérsia, Grécia e Roma. Em suas origens era um alimento destinado às altas esferas, pois as classes populares não tinham meios disponíveis para resfriamento.

Quando Marco Polo regressou de sua viagem pela Ásia trouxe receitas milenares que logo se tornaram muito populares nas cortes italianas. Posteriormente, os mestres italianos em sorvete do século XVII começaram a vender "gelato" de maneira abundante e em pouco tempo este produto ficou conhecido em toda Europa e América.

Em 1846, o norte-americano Nancy Johnson inventou a primeira máquina automática de sorvete

No final do século XIX surgiu na França as primeiras máquinas para homogeneizar os sorvetes e a partir daí se iniciou a história da sorveteria industrial. Atualmente, existem duas grandes modalidades deste produto: a americana e a europeia. Os sorvetes americanos são geralmente mais gordurosos e densos. Já nos Estados Unidos, Canadá e Nova Zelândia são os países que mais os consomem.

Imagem: Fotolia. Petr Bonek

Próximo - Conceitos >>

Leitores continuaram: