Mercado Objetivo - Conceito, o que é, Significado

O conceito mercado objetivo deve ser contextualizado na área do marketing e também no campo do empreendimento. Entende-se por mercado objetivo o perfil dos possíveis compradores. Em outras palavras, a quem se dirige determinado produto ou serviço.

O rótulo mercado objetivo não é único, já que existem outros como: mercado meta, medição de mercado, público-alvo, assim como alguns termos em inglês “target group” ou “directamente target”.

A diversidade de clientes potenciais

O mercado está composto por uma ampla diversidade de potenciais clientes e cada setor de clientes tem suas próprias necessidades. Isto significa que um produto ou serviço não se dirige à totalidade de possíveis clientes, mas apenas a uma parte deles. Os especialistas em marketing afirmam que dirigir-se a todos ou a ninguém em particular é uma fórmula que leva ao fracasso.

A segmentação do mercado objetivo

Para identificar um segmento da população é necessário dividir o conjunto de indivíduos em grupos ou segmentos. Este processo de classificação é chamado de segmentação, ou seja, um grupo de clientes potenciais de acordo com uma série de fatores (os fatores geográficos, demográficos, por níveis de renda, estilo de vida ou segundo as expectativas culturais). Todas estas variáveis são determinantes para concretizar um mercado objetivo de clientes.

Para dirigir-se de maneira efetiva a um mercado de clientes objetivo (público-alvo) é importante conhecer as circunstâncias de cada sector. Por exemplo, as mulheres que trabalham dispõem de pouco tempo, por isso precisam de certo tipo de alimento (alimentos pré-cozidos e fáceis de preparar). Se uma empresa de alimentação se instala no México não se deve ignorar o gosto pela pimenta dos mexicanos.

Deve-se levar em conta que cada cliente busca algo específico; alguns procuram serviço de qualidade, outros precisam de preços acessíveis e há aqueles que valorizam o aspecto estético.

Em um estudo de marketing para definir um mercado objetivo, deve-se analisar diversas variáveis: a necessidade psicológica dos consumidores, a realidade econômica e social, os costumes de um lugar ou as tendências da moda.

Um exemplo do que não se pode fazer em busca de um mercado objetivo

Vamos imaginar uma loja comercial de roupas que deseja vender roupa sexy, cômoda, conservadora, para crianças e jovens, mulheres maduras e atletas. Atender esta ampla gama da população significa não ter uma identidade própria e isso dificulta a elaboração de uma boa estratégia de marketing.

Pode-se dizer que esta estratégia seria como atirar para todos os lados.

Imagem: Fotolia. Marija Piliponyte

Próximo - Conceitos >>

Leitores continuaram: