Comércio - Conceito, o que é, Significado

O comércio pode ser definido como uma atividade do campo econômico que consiste na troca de bens ou serviços entre duas ou mais pessoas, realizado com o objetivo final de obter lucro.

Do ponto de vista etimológico, a palavra comércio tem sua origem no latim, mais especificamente nas raízes “cum” que significa juntamente e “merx” mercadoria. Portanto, pode-se dizer que o conceito comércio equivale à negociação entre pessoas de certas mercadorias.

Origem histórica do comércio

Muitos historiadores costumam fazer uso da frase: “O comércio é tão antigo como a própria sociedade”. Embora o comércio tenha sua origem há milhares de anos, isso não é certeza, pois não existe nenhuma afirmação concreta de que os primeiros grupos de humanos realizaram algum tipo de transação comercial.

Entretanto, o certo é que por causa dos primeiros assentamentos estáveis nas cavernas surgiu o núcleo familiar e o sedentarismo, assim, os humanos passaram a formar grupos mais amplos e começaram a relacionar-se entre si. Fruto dessas relações e dos avanços tecnológicos que permitiram aumentar o volume de suas caça e dos seus alimentos colhidos é que surge o comércio para dar saída a esse excedente de comida.

A primeira fórmula de comércio existente era a troca

Esta que se refere à negociação de certos bens por outros, de forma que as necessidades mais básicas possam ser atendidas de maneira satisfatória.

É a partir deste ponto de vista que as diversas sociedades humanas buscam uma maneira de implementar um melhor sistema de troca que lhes permita obter mais e melhores produtos em troca dos seus excedentes. Esta tendência foi acrescida conforme o avanço das sociedades, pelo aumento de suas necessidades e dos quais apenas poderiam ser satisfeitos através do comércio.

Muitos povos encontraram no comércio uma forma de expansão, chegando a vender seus produtos em territórios bem distantes, como foi o caso dos fenícios, dos chineses e dos hebreus. Assim, movidos por essa ânsia comercial, esses povos melhoraram os sistemas de transporte, tanto terrestres como marítimos, interligando zonas cada vez mais afastadas entre si e estabelecendo rotas comerciais que iluminariam toda uma rede de assentamentos, povoados e cidades.

Esta época que determina a origem do comércio chegaria ao fim por causa do surgimento dos sistemas monetários que facilitariam em boa parte as transações comerciais e terminariam por preterir a troca para segundo plano.

Imagem: iStock. Maciej Bledowski

Próximo - Conceitos >>

Leitores continuaram: