Conceito » Saúde » Circuncisão

Circuncisão - Conceito, o que é, Significado

O pênis é o órgão masculino que permite a micção e as relações sexuais. Do ponto de vista anatômico está formado pelo escroto, a glande e o prepúcio.

O prepúcio é uma camada de pele que fica em torno do pênis para proteger e cobri-lo. No entanto, o prepúcio pode causar vários problemas de saúde. Por esta razão, é comum remover o prepúcio através de uma intervenção cirúrgica. Esta operação é conhecida como fimose e popularmente como circuncisão.

A circuncisão é benéfica em vários sentidos

Em primeiro lugar, esta operação reduz o risco de infecções. Deve-se destacar que o prepúcio acumula micróbios e isso pode conduzir a um problema de tipo infeccioso.

Em segundo lugar, a operação de fimose reduz o risco de transmissão de doenças sexualmente transmissíveis, tais como o vírus do papiloma humano ou do herpes. De acordo com vários estudos, há também um menor risco de contrair AIDS. Isso ocorre porque que os homens circuncidados podem manter uma melhor higiene em sua área genital.

Por outro lado, o desaparecimento do prepúcio facilita o aumento do tamanho do pênis, pois tende a crescer por ser liberado da membrana.

A circuncisão diminui o mal-estar e o incômodo nas ereções do pênis.

Por último, produz uma maior satisfação nas relações sexuais.

A circuncisão é realizada há 4000 anos

Tanto na Europa como na Ásia, este procedimento cirúrgico era realizado em homens pertencentes às classes sociais mais favorecidos. Assim, um homem circuncidado era mais valorizado sexualmente. Na cultura muçulmana e judaica este procedimento é obrigatório em todas as crianças, pois a remoção do prepúcio simboliza a passagem para a vida adulta.

No judaísmo, a circuncisão deve ser realizada no oitavo dia após o nascimento da criança. Trata-se de um princípio estabelecido na Torá, onde todos os pais devem realizar em seus filhos, como Abraão fez com Isaac.

A ablação do clitóris da mulher ou circuncisão feminina é considerada uma mutilação

Em alguns países de tradição muçulmana as mulheres são submetidas à ablação do clitóris. Esta intervenção tem uma finalidade: eliminar o prazer sexual da mulher. Esta prática é considerada uma violação dos direitos humanos, pois em alguns casos podem ocorrer mortes por infecção, uma vez que são realizados procedimentos rudimentares e sem garantias de saúde.

Imagem: Fotolia. nito

Relacionados:

  1. Brit Milá (Bris)
  2. Casais Sorodiscordantes
  3. Risco
  4. Grupo de Risco
  5. Anestesia Geral e Local
  6. Laparoscopia
  7. Predisposição Genética
  8. Exame de Papanicolau
  9. Priapismo
  10. Operação Valquíria