Bem Comum - Conceito, o que é, Significado

Cada indivíduo tenta satisfazer suas necessidades e as de seus seres queridos. No entanto, ao viver em sociedade é inevitável abordar a questão do bem-estar da coletividade ou o bem comum.

Um princípio ético

O princípio do bem comum tem uma dimensão ética. Assim, em vez de pensar no ser humano individual e concreto, trata-se de pensar no interesse da sociedade em seu conjunto. Em outras palavras, algo pode ser benéfico e válido para mim, mas prejudicial para uma comunidade. Consequentemente, o fim ético desta ideia é estabelecer aquilo que é bom para a maioria e não para poucos.

O bem-estar geral da cidadania

O conceito bem comum e o interesse geral são equivalentes. Ambos são usados como sinônimos. Para que esta ideia tenha sentido, o estado deve articular uma estrutura jurídica e certos princípios que permitam a dignidade de cada uma das pessoas que fazem parte da sociedade.

Exemplos da vida cotidiana da qual é imposta uma ideia de bem comum

- A limpeza e manutenção dos espaços públicos.

- As campanhas de prevenção para promover a saúde (por exemplo, vacinas para idosos ou campanhas contra o consumo de álcool, tabaco ou qualquer substância viciante).

- O plantio de árvores para melhorar a qualidade de vida dos cidadãos.

- Mudanças no design urbanístico para promover a acessibilidade universal.

- Projetos educacionais para promover a cooperação e a ajuda mútua.

De uma perspectiva econômica

O sistema capitalista está baseado em dois princípios gerais: a livre concorrência e o desejo pelo lucro. Diante deste modelo, alguns economistas propõem uma visão alternativa baseada na sustentabilidade, nos projetos coletivos e em uma distribuição mais justa da riqueza. Este modelo alternativo é inspirado no princípio do bem comum.

Na verdade, para concretizar esta ideia alternativa econômica é necessário repensar algumas questões. Neste sentido, é necessário abandonar os critérios puramente monetários e enfatizar tudo o que beneficia o conjunto da sociedade.

Em outras palavras, conceitos como o PIB não dizem nada sobre outras questões relevantes relacionadas ao bem-estar coletivo, como a paz, a qualidade do emprego, a igualdade de oportunidades, a participação cidadã, a distribuição da riqueza ou o respeito ao meio ambiente.

Diante desse paradigma econômico concebido para o bem-estar da maioria, as empresas que trabalhassem em benefício de todos obteriam uma série de vantagens (por exemplo, menos impostos ou créditos com juros reduzidos) e as empresas que ignorassem o interesse geral seriam penalizadas.

Imagem: Fotolia. shoo

Próximo - Conceitos >>

Leitores continuaram: