Conceito » Sociedade » Viúva Negra

Viúva Negra - Conceito, o que é, Significado

Em vários territórios do México, Estados Unidos e Canadá, podemos encontrar uma das aranhas mais venenosas do planeta. Seu nome científico é Latrodectus mactans, porém é mais conhecida como viúva negra.

Por outro lado, em termos sociais e culturais, utiliza-se este termo para descrever mulheres que cometeram assassinatos em série de seus respectivos maridos, geralmente a partir de interesses econômicos, e em outros casos impulsionados por vingança, seja por ciúme ou algum tipo de conflito. Trata-se de uma realidade que se manifesta em romances e filmes e faz parte de uma sociedade popular. Precisamente, esta referência nasce das particularidades da aranha.

Um animal com todo tipo de curiosidades

As fêmeas têm um sinal avermelhado em forma de relógio de areia em seu abdômen, mas os machos não apresentam esta característica distintiva. As fêmeas são quatro vezes maiores que os machos.

Em princípio não é um animal agressivo, mas ao sentir-se encurralado pode reagir mordendo. Sua mordida é muito tóxica e paralisa o sistema nervoso de suas vítimas. Foi comprovado que sua toxicidade é 15 vezes mais potente que a de uma cascavel. Quando uma pessoa recebe sua mordida pode morrer se não receber o antídoto a tempo. Graças ao seu sinal de identificação, os outros animais sabem que a aranha é venenosa.

A seda da teia de aranha é extremamente resistente, inclusive mais do que o próprio aço. Os cientistas já tentaram criar uma versão sintética similar, mas não conseguiram.

Como a grande maioria dos animais, estas aranhas têm seus inimigos, as vespas. Através de sua picada as aranhas ficam paralisadas e finalmente morrem

Sua reprodução está sujeita a um processo único. Em primeiro lugar, a fêmea emite um odor para atrair a atenção do macho. Em seguida ambos iniciam um ritual de cortejo. Logo após ocorre o acasalamento e o macho injeta seu esperma. Após o ato sexual, a fêmea devora o macho e por este motivo se torna a viúva negra (nem todas as fêmeas se tornam viúvas, já que alguns machos conseguem escapar).

Os 300-400 ovos acumulados após a fecundação são colocados em uma bolsa que em seguida é tecida com a seda fabricada pela aranha.

Embora, tradicionalmente, acredita-se que a fêmea mata deliberadamente o macho após a relação sexual, está provado que isso se trata de um simples mito.

Alguns pesquisadores afirmam que a causa da morte pode ser outra, pois no momento da separação o macho tem uma lesão em seu sistema reprodutor e por este motivo acaba morrendo.

Seu papel na Segunda Guerra Mundial

Durante a guerra os soldados norte-americanos de Fort Knox em Kentucky tinham uma missão especial: procurar viúvas negras.

As aranhas eram alimentadas adequadamente para que pudessem tecer sua teia e assim obter o fio de seda. Este fio era utilizado nos vidros de observação telescópicos de algumas armas.

Imagens: Fotolia. Marinabh, Therina Groenewald

Próximo - Conceitos >>

Leitores continuaram: