Conceito » Saúde » Neurônio

Neurônio - Conceito, o que é, Significado

O neurônio é um tipo de célula pertencente ao sistema nervoso central cuja característica diferencial é a excitabilidade de sua membrana plasmática, da qual permite não só a recepção de estímulos, mas também a condução do impulso nervoso entre os próprios neurônios, assim como com outros tipos de células, como as fibras musculares próprias da placa motora.

É composto por uma área de recepção denominada dendrito e por outra de emissão conhecida como axônio ou neurite. Estas características morfológicas tão próprias são as que sustentam suas funções

São células com grande capacidade na hora de comunicar-se com precisão, rapidez e até mesmo através de longas distâncias com outros neurônios ou outras células, sejam elas nervosas, glandulares ou musculares, sendo responsáveis por transmitir os sinais elétricos, chamados de impulsos nervosos, para poder concretizar esta comunicação intercelular. Os impulsos nervosos percorrem todo o neurônio, iniciando o trajeto pelo dendrito até chegar aos botões terminais, que afinal de contas fazem a conexão com outros neurônios, fibras musculares ou glândulas, conforme o caso.

No entanto, esta conexão é chamada de sinapse e neste contato ocorre de fato a transmissão do impulso nervoso

Abre uma descarga química que gera a corrente elétrica na membrana da célula emissora, uma vez que o impulso atinge o extremo do axônio, o neurônio segrega uma proteína (neurotransmissores, responsáveis de inibir ou excitar a ação do outro neurônio) que é depositada no espaço sináptico, este o lugar intermediário entre o neurônio transmissor e o receptor.

Os três componentes do sistema nervoso, sensorial, integrador e motor, são formados e interconectados pelos neurônios

Assim, um estímulo capturado em alguma região sensorial entrega a informação que será transportada através dos neurônios e analisada pelo elemento integrador, que também poderá elaborar uma resposta ao mesmo se assim desejar, além do sinal que será conduzido através dos neurônios. Esta resposta é sempre executada através de uma ação de tipo motor, tais como a contração muscular e a secreção glandular.

Os neurônios são células altamente diferenciadas, portanto não podem ser divididos até que atinja a maturidade, uma pequena porção que forma uma minoria.

O número de neurônios nos cérebros depende do tipo de espécie a ser tratado, por exemplo, o cérebro humano apresenta aproximadamente cem bilhões, um verme 302 e a mosca da fruta 300 mil.

Imagens Fotolia: Rajcreationzs, Psartstudio

Relacionados:

  1. Sistema Nervoso
  2. Sistema Nervoso Central
  3. Célula Eucariótica
  4. Osteócito
  5. Ato Reflexo
  6. Doenças Neurodegenerativas
  7. Célula Vegetal
  8. Célula
  9. Pares Cranianos
  10. Ciclo Celular