Conceito » Economia » BID

BID - Conceito, o que é, Significado

O Banco Interamericano de Desenvolvimento é conhecido no âmbito global por sua sigla BID que tem sede em Washington DC. Foi fundada em 1959 por iniciativa da Organização dos Estados Americanos e seus recursos financeiros vêm de capital público e privado. O principal objetivo desta organização é promover o desenvolvimento social sustentável na América Latina e no Caribe.

Atualmente, um total de 48 nações está integrado ao BID. Os países membros estão divididos em dois grupos: os países beneficiários da América Latina e do Caribe, além dos países participantes no financiamento de vários projetos da entidade. O BID apresenta dois ramos: a Corporação Interamericana de Investimentos e o Fundo Multilateral de Investimentos.

Áreas de atuação

Desde as suas origens esta instituição tem promovido diversas políticas de desenvolvimento. Entre elas podemos destacar as seguintes:

- Investimentos para melhorar a infraestrutura;

- Projetos educativos, sanitários e meio-ambientais;

- Facilitar o acesso às novas tecnologias e à inovação;

- Promover a assistência técnica em setores estratégicos;

- Desenvolver programas para reduzir os índices de pobreza e a exclusão social;

- Impulsionar o comércio e os investimentos com fins sociais.

Em resumo, o BID promove o desenvolvimento econômico e social da América Latina e do Caribe por meio de investimentos no setor público e privado. Para isso são estabelecidas parcerias com instituições financeiras locais da região.

Para promover os projetos o BID coloca em prática um sistema de licitação

As empresas e instituições podem solicitar financiamento ao BID apresentando projetos. Neste tipo de solicitação as entidades apresentam seus planos de ação e após o recebimento destas propostas o BID realiza a correspondente resolução do concurso.

Um dos desafios do BID é melhorar o potencial econômico das grandes cidades da América Latina e do Caribe

As grandes urbes da região se encontram em situação de crise geral. Em muitas delas, há altos níveis de poluição, graves problemas de segurança pública, índices de pobreza, falta de infraestrutura básica, etc. Cidades que antes eram um motor econômico poderoso, na atualidade se tornaram lugares pobres, perigosos e economicamente com crescimento desordenado.

Imagem: Fotolia. Sergey Yarochkin

Relacionados:

  1. CEPAL
  2. Banco Mundial
  3. Conselho das Américas
  4. Aliança do Pacífico
  5. Organismo Multilateral
  6. Equidade Social
  7. Organização Intergovernamental (OI)
  8. Carta Democrática
  9. Organização Mundial de Saúde (OMS)
  10. HSBC