Conceito » Cultura » Arquitetura Gótica

Arquitetura Gótica - Conceito, o que é, Significado

A arquitetura gótica é um estilo artístico desenvolvido na Europa desde o século XII até o século XV. Como corrente artística está situada em um período entre a Idade Média e o início do Renascimento, época que pode ser sintetizada com as seguintes coordenadas: a sociedade e a economia feudal, intensas guerras religiosas (as Cruzadas), crescimento das cidades, crescimento da burguesia como nova classe social e um sentimento profundo da religiosidade na população.

Neste contexto histórico, é obvio que a construção mais característica da arquitetura gótica é a catedral, símbolo do poder da igreja, por ser majestosa e de grande tamanho. Estas construções góticas se destacam pelos seus arcos pontiagudos (as ogivas), usadas como estruturas ornamentais para abrigar iconografias religiosas.

Também são usadas abóbadas (por exemplo, as nervuras ou quadripartites) para conseguir mais altura e assim mostrar a grandiosidade de Deus em relação ao ser humano. Os arcobotantes eram usados para suportar o peso da estrutura. Como elementos decorativos foram incorporados diversas esculturas diferentes (como as gárgulas) assim como janelas e rosetas.

Os conceitos arquitetônicos essenciais do estilo gótico são a luminosidade e a elevação, ambas ideais estão a serviço da espiritualidade

Neste sentido, há um debate filosófico religioso entre a razão e a fé, por isso a arquitetura gótica representa o triunfo e a predominância da fé. O material da existência deve estar submetido ao espiritual e esta avaliação está presente na primeira construção gótica, a catedral de Saint Denis, erguida em Paris no início do século XII. A catedral gótica demonstra aos fieis que a outra vida é o verdadeiro fim da existência humana.

Embora existam algumas características gerais na arquitetura gótica, cada país tem suas peculiaridades

A França é o berço do estilo arquitetônico, sendo a catedral de Chartres e a de Paris as mais importantes. Na Espanha, as catedrais de León, Burgos, Gerona e Ávila estão entre as mais notáveis. Na Inglaterra, o gótico não tem um caráter religioso exclusivo, mesmo assim foram construídas construções civis como a Torre de Londres. O estilo gótico italiano demonstra uma grandiosidade menos ostentosa, porque é uma arte promovida por ordens religiosas que pregam a pobreza (mais particularmente os franciscanos).

Imagem: iStock. andipantz

Relacionados:

  1. Arquitetura
  2. Burguesia
  3. Renascimento
  4. Classicismo
  5. Arte
  6. Arquitetura Biológica
  7. As Três Ordens Gregas
  8. Filosofia Renascentista
  9. Moçárabes
  10. Belas Artes