Conceito » Saúde » Vitaminas

Vitaminas - Conceito, o que é, Significado

De maneira geral, pode-se dizer que as vitaminas são substâncias orgânicas essenciais para a vida das pessoas ou dos animais, por isso são imprescindíveis a sua sobrevivência e desenvolvimento.

Vale destacar que muitas vezes o organismo não pode sintetizá-las, assim é necessário ingeri-las através dos alimentos que a contêm ou então por meio da ingestão de suplementos vitamínicos especialmente elaborados por laboratórios.

Os alimentos e os suplementos, principais fontes de vitaminas

Quase todas as vitaminas essenciais não podem ser sintetizadas de forma alguma pelo organismo, ou seja, elaboradas por este, então a única maneira de poder obtê-las e a entrar em nosso organismo é através dos alimentos naturais ou então, como já mencionado, através de suplementos vitamínicos, como são popularmente chamados esses preparos indicados.

Tomadas de maneira equilibrada e conforme a deficiência que pode haver em nosso organismo são transcendentais para promover o bom funcionamento do organismo de um ser vivo.

Basicamente as vitaminas são nutrientes das quais em conjunto com outros elementos nutricionais desempenham as funções dos catalisadores de todos os processos fisiológicos diretos e indiretos.

Um consumo equilibrado

Não costuma ser muito alto o grau de exigência de vitaminas que necessita o corpo diariamente, a não ser duas doses de microgramas ou miligramas contidas em grandes quantidades de alimentos naturais. O ideal é um equilíbrio, pois tanto o consumo em excesso como sua falta podem desencadear doenças que vão desde transtornos leves a graves ou muito graves, como a demência e nos casos mais extremos pode até causar perigo à vida.

No entanto, existe uma denominação clínica para designar este excesso ou escassez em relação às vitaminas e avitaminoses, quando se registra deficiência e hipervitaminose ou quando nos deparamos com casos de excesso no consumo.

Benefícios notáveis para a saúde

Entre seus principais benefícios se destaca sua função antioxidante que ajudará a prevenir as diversas formas de câncer, por exemplo, para consumir alimentos ricos em vitamina E será uma boa maneira de prevenir o câncer de próstata.

Onde encontrá-las?

Para encontrá-las é a questão mais importante, principalmente nos vegetais crus, por isso o recomendável é igualar o superar o consumo de 5 porções de vegetais ou frutas secas ao dia e assim evitar aqueles processos que provocam sua perda em excesso, tais como: evitar um grande período de cozimentos nesses alimentos, evitar alimentos preparados, comer as cascas das frutas e dos cereais porque ali se concentram as vitaminas, entre outros.

Nos seres humanos existem 13 vitaminas, sendo 9 hidrossolúveis, 8 correspondentes ao complexo B e a vitamina C e 4 lipossolúveis, A, D, E, K. As vitaminas são classificadas de acordo com sua solubilidade: se for em água, hidrossolúveis ou lipídeos, lipossolúveis.

Principais benefícios em cada uma

As vitaminas pertencentes ao grupo B são essenciais para o bom funcionamento do cérebro e do metabolismo e correspondem ao grupo das hidrossolúveis, o que significa que basicamente serão eliminadas através da urina, fato de que obriga a serem consumidas quase que diariamente. Por exemplo, o pão contém esta vitamina, por isso se recomenda sua ingestão, obviamente em quantidades equilibradas.

Enquanto isso a vitamina A encontrada em vegetais como cenoura e brócolis se destacam por sua grande contribuição à visão. As pessoas que não enxergam muito bem são aconselhadas a comer cenouras. Esta hortaliça é uma das mais consumidas, felizmente, porque pode ser consumida cru, cozida, ralada e acompanhada de outros legumes ou ainda por carne vermelha ou branca.

Por outro lado a vitamina C, outra bem popular, pode ser encontrada fundamentalmente nos cítricos como laranja e limão. A vitamina C costuma ser recomendada especialmente para combater processos gripais, por isso que no inverno quando o vírus da gripe surge com mais intensidade é indicado comer alimentos que contenham esta vitamina.

A vitamina D é popularmente chamada de vitamina do sol, pois se produz naturalmente no corpo após a exposição ao sol entre quinze minutos umas três vezes por semana. Esta vitamina é superimportante porque ajuda nosso organismo a absorver o cálcio, substância fundamental para ter ossos e dentes fortes e saudáveis.

E por fim a vitamina K, um pouco menos popular que as mencionadas anteriormente, também é importante pela função que desempenha: sem ela nosso sangue não coagula como deveria. Ela pode ser encontrada em alimentos como repolho, couve-flor, espinafre, em cereais, peixes, entre outros.

Imagens: Fotolia. nata_vkusidey - bst2012

Relacionados:

  1. Superalimento
  2. Tiamina (Vitamina B1)
  3. Colágeno
  4. Microbioma
  5. Fósforo
  6. Nutrição
  7. Crudívoros (Crudivorismo)
  8. Dieta
  9. Glutamina
  10. Toxicidade