Conceito » Ciência » Nebulosa de Órion

Nebulosa de Órion - Conceito, o que é, Significado

A Grande Nebulosa de Órion é uma imensa nuvem de gás que se encontra no interior da constelação de Órion e na nomenclatura astronômica é conhecida como M42. Nas noites mais claras é visível sem a necessidade de telescópios. Nos antiguidade, acreditava-se que era uma formação estelar, mas em 1610 o astrônomo Nicholas Peiresc descobriu que se tratava de uma nebulosa.

Como seu próprio nome indica, as nebulosas são nuvens de gás e poeira contraídas pelo efeito da gravidade. Podem ser brilhantes ou escuras e normalmente são remanescentes de explosões estelares.

Dados de interesse sobre a nebulosa de Órion

Possui cerca de 30 anos-luz de diâmetro e se encontra a uma distância da Terra de 1300 anos-luz. Sua gigantesca nuvem está formada basicamente de hidrogênio.

Nesta região de formação estrelar - a região de Órion - os astrônomos observam o nascimento de algumas estrelas. Entre elas se destacam quatro estrelas novas que quando unidas criam uma imagem em forma trapezoidal (se não existissem as estrelas do trapézio apenas uma grande nuvem escura seria observada).

Os astrônomos descobriram uma complexa estrutura em seu interior: estrelas massivas com mais energia que o Sol, anãs marrons, pequenas nebulosas e o denominado Cúmulo do Trapézio (as quatro estrelas que molduram a Nebulosa de Órion). Os astrônomos e astrofísicos acreditam que M42 é um "laboratório" ideal para desvendar os enigmas do universo.

Um escorpião persegue Órion no céu

O nome das constelações tem como principal origem histórica o mundo da mitologia grega. Assim, as 88 constelações conhecidas até hoje estão relacionadas a alguma lenda de caráter mitológico.

Segundo os relatos de Homero e Hesíodo, Órion foi um gigante que se dedicava à caça e que protagonizou várias aventuras de amor. Com sua primeira esposa foi muito feliz, mas acabou assassinada pela deusa Hera, que a considerava uma ameaça por sua grande beleza. Em seguida, Órion se apaixonou por outra mulher, mas seu pai lhe impôs um desafio para casar com sua filha: teria que eliminar os animais perigosos de seu reino.

Órion manteve sua promessa, mas o pai de sua amada estava secretamente apaixonado por sua filha e se vingou do caçador tirando seus olhos. Depois de recuperar a visão, seguindo as instruções de um oráculo, apaixonou-se por Artemisa, a deusa da caça e da virgindade.

O caçador tentou forçar a deusa, mas ela ficou enfurecida e lhe lançou um escorpião que o perseguiu até tomar uma picada mortal. Este final infeliz pode ser observado nos céus: no leste se encontra a constelação de Escorpião e no oeste a constelação de Órion.

Imagem: Fotolia. astrosystem

Relacionados:

  1. Nebulosa do Caranguejo
  2. Estrelas e Constelações
  3. Crux (Cruzeiro do Sul)
  4. Ursa Maior
  5. Nuvem
  6. Pégaso
  7. Astronomia
  8. Região
  9. Asteroidea (estrela-do-mar)
  10. Planeta Júpiter