Conceito » História » Medusa

Medusa - Conceito, o que é, Significado

A medusa é um animal que habita o meio aquático. Paralelamente, pode-se dizer que a medusa é um ser da mitologia grega.

Animais perigosos para os banhistas

Do ponto de vista da classificação dos seres vivos, a medusa (também chamada de água-viva) é um animal invertebrado no grupo dos cnidários. Seu corpo tem a forma de um sino, também chamado de guarda-chuva. Dele desprende um manúbrio e em sua extremidade se encontra a boca deste animal. Dependendo da espécie, a boca está cercada de quatro ou oito tentáculos com células urticantes ou cnidócitos.

Estas células cumprem uma função de defesa e ao mesmo tempo servem para buscar alimento. As medusas se alimentam de microrganismos, mais particularmente do zooplâncton. Seus movimentos são muito limitados e por este motivo não percorrem longas distâncias, ao menos que sejam arrastadas pelas correntes oceânicas.

O corpo das medusas é composto de 95% de água e sua estrutura corporal é simétrica. Seu sistema digestivo é de grande simplicidade e digere o alimento por sua boca, sendo que através da mesma elimina seus resíduos.

Carecem de sistema nervoso e também não têm cérebro. Seus olhos podem diferenciar a luz da escuridão e detectar a presença de possíveis presas.

Estes animais costumam ser encontrados próximos à superfície do mar e por este motivo são muito perigosos para os banhistas. Seus tentáculos urticantes podem causar lesões cutâneas de certa gravidade.

Na mitologia grega

A palavra medusa significa em grego guardiã ou protetora. Nos relatos mitológicos o personagem da Medusa aparece como um monstro com aparência de mulher. Os homens que a olham fixamente se transformam em pedra. A Medusa era uma das três irmãs Górgonas, que eram filhas de Forcis e Ceto.

Ao contrário de suas irmãs, Medusa era a única mortal e ao mesmo tempo a mais bonita. Sua beleza despertou o interesse do deus Poseidon e por este motivo a difamou no templo de Atena. Ao conhecer a notícia, a deusa Atena reagiu com raiva e decidiu transformar a Medusa em um monstro cruel e sanguinário.

Apesar do castigo, a deusa Afrodite sentia ciúmes dos belos cabelos de Medusa e por este motivo transformou seus cabelos em serpentes. Mesmo sendo considerada um monstro, Medusa manteve seu aspecto provocante e sensual e podia hipnotizar a qualquer um que lhe olhava.

O mito da Medusa tem sido estudado por psicanalistas e é um símbolo do movimento feminista. A cabeça da Medusa é também o logotipo da famosa marca italiana de moda chamada Versace.

Imagem: Fotolia. Pixaterra

Próximo - Conceitos >>

Leitores continuaram: