Conceito » Esporte » Ludograma

Ludograma - Conceito, o que é, Significado

Muitos jogos e atividades esportivas podem ser representados por gráficos, onde é possível expressar o papel de cada um dos participantes. Estes tipos de representações são os ludogramas.

Em uma destas abordagens gráficas, estuda-se o comportamento de um ou vários jogadores durante o tempo em que se realiza a atividade lúdica ou esportiva. A finalidade desta ferramenta é dupla: observar as estratégias dos jogadores ou atletas e contabilizar suas ações (por exemplo, o número de vezes que o jogador toca na bola).

Sua aplicação nos esportes com bola

Em uma partida de futebol, basquete ou voleibol há duas equipes que se enfrentam e uma bola que se move de maneira constante. O jogo é gravado com uma câmera de vídeo que registra todos os movimentos dos participantes.

Toda esta informação é refletida em um gráfico ou praxiograma na qual são coletados diversos dados: os quilômetros percorridos por cada jogador; a porcentagem de posse de bola de cada equipe; o número de lançamentos ou chutes ao gol, assim como todos os indicadores relevantes à partida.

Estes dados quantitativos podem ser interpretados posteriormente por parte de um treinador

Desta maneira, a informação do ludograma é um complemento para analisar o comportamento individual e coletivo dos jogadores.

O ludograma é um instrumento de grande utilidade tanto para treinadores como para preparadores físicos. Deve-se destacar que a linguagem da matemática pode ser projetada sobre qualquer atividade, incluindo o esporte ou o jogo. Por outro lado, o uso de ludogramas nos esportes com bola está diretamente relacionado ao pensamento estratégico aplicado ao esporte.

A metodologia da prática esportiva

Compreende uma técnica aplicada ao esporte ou a qualquer atividade recreativa. Trata-se de uma ferramenta de grande utilidade para tirar conclusões quantitativas e qualitativas. O ludograma é um elemento a mais no planejamento da atividade esportiva.

O planejamento de um treino deve contemplar vários aspectos: quem irá praticar o esporte, com que finalidade, a faixa etária dos participantes, as sessões de treinamento, o período de descanso, assim como a motivação dos atletas. Os treinamentos são divididos em meses e semanas e incorporam o número de sessões a ser realizados.

Quando o treinamento é improvisado e não se adota uma metodologia de trabalho, é bem provável que os objetivos esportivos desejados não sejam alcançados.

Imagem: Fotolia. Sergey Nivens

Próximo - Conceitos >>

Leitores continuaram: