Geração Y (millennials) - Conceito, o que é, Significado

Entre 1982 e 1994, nasceram aqueles que formam a geração Y. Na língua popular também são conhecidos como millennial, geração do milênio, Peter Pan ou geração bumerangue. São os filhos da Geração X.

Um perfil geral

Os sociólogos têm analisado os esquemas mentais e o estilo de vida dos millenials. Destacam-se por sua linguagem inovadora e por seus hábitos de consumo. Como as gerações anteriores que as precediam, os Y voltaram a mudar novamente as "regras do jogo". Trata-se de uma juventude totalmente integrada a um mundo globalizado onde não existem fronteiras.

Sua identidade cultural está diretamente associada à internet e às redes sociais. Manipulam com naturalidade os memes, os likes e as compras on-line. Alguns analistas acreditam que esta geração sofre de ansiedade crônica e teme perder-se no anonimato da multidão. São pessoas "multitarefa" capazes de identificar-se com papéis bem diferenciados (um millennial pode ser um DJ, surfista, influencer, nerd, cinéfilo e corredor ao mesmo tempo).

São considerados a geração mais plural e eclética da história. Apesar de seus contatos nas redes sociais serem muito numerosos, suas relações pessoais são instáveis e de pouca duração. Não se dão bem com os pensamentos hierárquicos tradicionais do mundo trabalhista e preferem combinar o trabalho com o prazer. Os Y são hedonistas e consideram que ser jovem é sexy e divertido. Têm abandonado as utopias sociais convencionais e focam em outras reivindicações e preocupações (direito dos animais, projetos de solidariedade, voluntariado e apoio ao coletivo LGBT). No plano econômico estão abertos a projetos de crowfounding. Os millennials são viajantes, blogueiros e apaixonados por séries.

Não imaginam a vida sem wifi e os aplicativos. Quando vão ao cinema ou a um espetáculo compram os ingressos pela internet e os imprimem. Do ponto de vista psicológico, destacam-se por seu narcisismo e por este motivo são conhecidos como "Generation Me". Segundo a maioria dos estudos, trata-se de uma geração que vive confortavelmente na casa de seus pais e alguns deles sofrem com a síndrome de Peter Pan.

Não se lembram do mundo sem internet

A revolução tecnológica mudou a vida dos Y. Neste sentido, consiste em uma geração que desconhece completamente como as pessoas viviam antes das novas tecnologias. Provavelmente nunca enviaram uma carta escrita à mão.

Não conhecem o lazer fora das redes sociais. Certamente não consultaram um dicionário enciclopédico convencional. Também não sabem como é jogar futebol na rua.

Do ponto de vista tecnológico, jamais utilizaram um discman, uma fita cassete ou um disco de vinil. O uso dos mapas de papel e a revelação de fotos são conhecidos através dos filmes.

Imagem: Fotolia. Viacheslav Iakobchuk

Próximo - Conceitos >>

Leitores continuaram: