Persuasão - Conceito, o que é, Significado

PersuasaoA persuasão é conhecida como a capacidade de fazer com que a outra pessoa mude sua atitude, crença ou intenção através do uso de argumentos ou questionamentos, assim como possa convencer que sua opinião anterior estava errada ou então que fosse menos adequada à justificada pelo interlocutor, inclusive, que influenciasse sua ação da maneira pretendida.

Diferenças entre persuasão e manipulação

Frequentemente, confundimos os termos persuasão e manipulação, quando na verdade sabe-se que possuem um significado diferente.

Através da persuasão, o interlocutor faz com que uma pessoa aceite o seu ponto de vista, o que permite sua avaliação e que voluntariamente possa mudar sua decisão original a respeito do assunto, assim como este novo ponto de vista lhe permita obter maior benefício próprio ou para os demais.

Por outro lado, a manipulação tem um propósito diferente mesmo que compartilhe parte do processo anterior. O interlocutor apresenta a situação de maneira que uma troca de decisão inicial pode ser considerada a melhor opção para ele e para os demais, no entanto, neste caso, por trás dessa intenção de mudança de atitude, não há um propósito desinteressado, mas sim um interesse pessoal daquele que promove esse tipo de mudança.

Em outras palavras, através da persuasão é que se influencia quem vai tomar a decisão, pois acredita-se que a mudança pode trazer um beneficio a si mesmo

Através da manipulação é possível empregar a mesma forma de atuar, porém com a ideia de obter um beneficio próprio.

Entretanto, o limite entre ambas as atitudes pode parecer algo confuso em determinadas situações.

Por exemplo, na área do marketing e da publicidade, todas as empresas que atendem determinadas necessidades através de um produto tratam de influenciar o comprador em sua aquisição.

Embora cada uma dessas áreas possa considerar que seu produto seja o melhor para resolver determinado problema, é evidente que a partir de um ponto de vista objetivo isso se torne impossível, já que uns podem oferecer mais vantagens do que os outros.

Entretanto, isto não tira a legitimidade da mensagem comercial que estas empresas lançam ao consumidor. A mensagem é classificada como manipulação, pois a partir deste ponto de vista, a importância que se dá a cada aspecto e característica do produto é diferente. Em certos casos, o consumidor pode valorizar mais o preço, já em outras a durabilidade e em outras o designer.

Imagem: iStock. Izabela Habur

Próximo - Conceitos >>

Leitores continuaram: