Reiki - Conceito, o que é, Significado

O reiki é uma terapia considerada uma das medicinas alternativas. Está baseada numa imposição de mãos com o fim de transmitir energia. Desta maneira, o terapeuta coloca suas mãos sobre o corpo do paciente e partir daí o mesmo obtém benefícios em seu organismo. A razão pela qual há uma melhora no estado físico se deve à ativação dos campos magnéticos do corpo humano. Por este motivo, o reiki pode ser utilizado igualmente em plantas e animais.

O termo reiki significa literalmente energia nutritiva e é um vocábulo de origem japonesa que tem sua correspondente representação simbólica, ou seja, um ideograma.

Principais características da terapia

A energia empregada no reiki tem uma dimensão física e ao mesmo tempo espiritual. Assim, o terapeuta coloca suas mãos pelo corpo do paciente e durante este processo produz energia, da qual os campos magnéticos do paciente se equilibram e desta maneira se consegue um bem-estar físico e emocional.

O elemento essencial do reiki é de tipo energético. Neste sentido, são utilizadas três fontes de energia diferentes: o calor, a eletricidade e, de maneira especial, o eletromagnetismo.

A terapia do reiki pode ser abordada de duas maneiras: projetada para si mesmo ou pelo tratamento em outras pessoas.

Uma sessão de reiki

Nas preliminares de uma sessão há uma troca de ideias entre o terapeuta e o paciente a fim de saber o que realmente acontece com o paciente. Na próxima fase, o terapeuta explica o que fazer durante toda a sessão. Logo se inicia o tratamento com a imposição de mãos e da consecutiva troca de energia. Na terminologia especializada se fala de um penteado da aura, uma ligação entre os chakras e os cosmos e do equilíbrio entre os chakras. Desta forma o terapeuta vai detectando a condição do paciente, especialmente como se encontram seus chakras. A sessão de reiki termina quando o terapeuta desconecta seu próprio campo magnético do campo magnético do paciente.

Críticas à terapia

Como a maioria das terapias alternativas, o reiki é objeto de todo tipo de críticas. Algumas das mais significativas são as seguintes:

- Os campos magnéticos do corpo humano não podem ser percebidos com uma simples imposição de mãos;

- A energia vital que supostamente detectada não foi descrita de maneira objetiva, assim como não pode ser medida.

- A imposição de mãos sobre alguém pode causar alívio e relaxamento, inclusive bem-estar físico, da mesma maneira que acontece com a massagem convencional. Entretanto, o reiki como terapia não pode curar doenças.

- O auge do reiki está diretamente relacionado com a moda do crescimento pessoal e da espiritualidade oriental, mas é um erro entender esta técnica terapêutica com uma alternativa à medicina convencional.

Imagem: Fotolia. hibrida13

Próximo - Conceitos >>

Leitores continuaram: