Pisos Flutuantes - Conceito, o que é, Significado

Denomina-se piso flutuante ao método de revestimento de pisos que se sobrepõe ao anterior sem a necessidade de utilizar algum fixador, como a cola ou outro material adesivo. Utiliza-se sobre uma superfície lisa e apresenta uma espessura fina, normalmente de uns 10 milímetros. Obviamente, esta modalidade de pisos apresenta diversos tipos de texturas e cores.

Material, tipos e colocação

Quanto ao material utilizado, é formado por várias camadas de resinas especiais, melanina, substrato com tratamento antiumidade e uma lâmina que proporciona estabilidade ao piso.

Existem basicamente dois tipos de pisos flutuantes: os laminados ou melamínicos e os de madeira. Os primeiros possuem um laminado de plástico que imita o aspecto da madeira e em sua maioria são feitos de fórmica. Os segundos têm uma camada externa de madeira natural e já vêm adequadamente polidos.

A colocação deste tipo de piso é relativamente simples e em comparação a outros pisos sua montagem é bastante fácil, já que só precisa montar as tábuas.

Vantagens e desvantagens

Suas principais vantagens são as seguintes: é fácil de limpar, resistente à umidade e pode ser instalado sobre outros pisos sem a necessidade de grandes obras. Na maioria dos casos, estes pisos vêm com seus próprios rodapés. Trata-se de um material durável e não deforma com o calor.

No entanto, estes pisos não são recomendados para o chão do banheiro devido à umidade, as passadas são muito barulhentas e nos tipo de laminado a imitação da madeira fica bastante evidente.

Outras alternativas

O piso de vinil tem uma instalação fácil, é resistente à água e um material muito resistente a riscos e golpes. Suas características a tornam uma modalidade ideal para estabelecimentos comerciais, hotéis e instalações esportivas.

O piso laminado é feito de fibras compactadas e em sua parte externa há uma camada de melanina. Dependendo da sua espessura pode ser ideal para diversas áreas do lar, como a sala de jantar, os corredores e as escadas. Pode ser colocado sobre outros pisos e para sua instalação é necessário um sistema de vedação.

A cerâmica convencional tem uma alta condutividade térmica e por este motivo se torna uma opção para casas onde faz muito calor. Este tipo de piso é resistente e proporciona uma sensação de limpeza. Uma alternativa à cerâmica é a pedra natural, como o mármore, a terracota e o granito.

O cimento alisado ou o microcimento é um material especialmente resistente e é utilizado em casas com um estilo minimalista ou vanguardista.

Imagem: Fotolia. schulz

Próximo - Conceitos >>

Leitores continuaram: