Língua Guarani - Conceito, o que é, Significado

A língua guarani é falada no Paraguai e é a única língua pré-colombiana da América Latina conservada e integrada à vida cotidiana. Na verdade, o guarani é reconhecido no Paraguai como língua nacional juntamente com o espanhol. Neste sentido, foi declarada como língua oficial no texto constitucional de 1992.

Além do território paraguaio, esta língua é falada entre os povos indígenas do Brasil, Bolívia, Argentina, Colômbia e Peru. Na província argentina de Corrientes também foi declarada como língua oficial.

Atualmente esta língua é falada por mais de 8 milhões de pessoas e no Paraguai é a língua materna para 85% da população. Entre os paraguaios costuma-se dizer que seus habitantes falam espanhol, mas pensam em guarani.

Dados de interesse

Não há uma teoria definitiva sobre a origem exata da língua guarani. Entretanto, a maioria dos estudiosos considera que provêm dos primeiros povoadores do continente americano, que muito provavelmente procedem do continente asiático. Em relação à língua, procede da família linguística tupi-guarani.

Apenas no Paraguai o guarani apresenta sete tipos de dialetos

O guarani que se fala no Paraguai é um idioma falado por todas as classes sociais. Entretanto, o castelhano é a língua mais falada na área administrativa e no sistema educacional. Pode-se dizer que o guarani é uma língua muito usada socialmente, na verdade, a maioria dos paraguaios é totalmente bilíngue. Utiliza-se um idioma ou outro dependendo do contexto social.

A escrita guarani teve início na era colonial e foram os jesuítas e franciscanos espanhóis que deixaram um testemunho escrito desta tradição oral milenar.

Na terminologia botânica a língua guarani é uma das fontes etimológicas mais importantes

A língua guarani foi perseguida durante o período colonial e apesar disso se manteve viva entre os paraguaios.

Durante a colonização espanhola foi declarado oficialmente o monolinguismo castelhano. Apesar disso, alguns documentos oficiais dirigidos à Coroa Espanhola eram escritos na língua guarani.

É possível afirmar que os paraguaios vivem uma situação estranha e paradoxal em relação a sua própria língua: o idioma era majoritário entre seus habitantes, mas oficialmente sua língua e cultura nem sempre tiveram o mesmo reconhecimento legal.

Imagem: Fotolia. filipefrazao

Próximo - Conceitos >>

Leitores continuaram: