Conceito » Aprender » Cadeia de Valor

Cadeia de Valor - Conceito, o que é, Significado

Se pensarmos em uma cadeia, podemos observar que todas as suas partes estão ligadas de maneira entrelaçada. Se extrapolarmos esta ideia ao mundo dos negócios, cada atividade realizada corresponde a uma cadeia. Em uma empresa existem várias cadeias: na produção, no designer, na contabilidade, na distribuição, na venda, etc. Cada uma delas cumpre um papel e todos em seu conjunto estão dirigidos para a eficiência e rentabilidade da empresa.

À medida que avançamos ao longo da cadeia de atividades de uma empresa aumenta o valor do produto para o consumidor. Daí vem o nome de cadeia de valor. Em poucas palavras, uma cadeia de valor significa que, quanto maior o número de atividades realizadas, maior será o valor do produto final.

Tipos de atividades ou partes de uma cadeia de valor

O conjunto de atividades desenvolvidas para vender um produto ou prestar um serviço pode ser dividido em dois tipos: atividades primárias ou de linha e atividades de apoio ou suporte.

As primeiras são aquelas que estão diretamente relacionadas com a produção e comercialização de um produto ou serviço. Nesta seção podemos incluir a logística interna, que se refere à recepção e armazenagem de matérias-primas necessárias para elaborar um produto.

Por outro lado, as matérias-primas devem ser processadas para transformá-las em produto final. Outro aspecto da cadeia seria o marketing e as vendas, duas estratégias que divulgam um produto. Finalmente, as garantias, reparos e manutenção dos produtos estão incluídos na seção de serviços.

Em relação às atividades de apoio ou suporte, as mesmas não estão diretamente relacionadas com a produção e a comercialização, mas são imprescindíveis para garantir o bom funcionamento de uma empresa. As mais destacadas são as seguintes: a infraestrutura da secção de organização, a contabilidade, as finanças, a gestão de recursos humanos, o desenvolvimento de tecnologia e o item de inovação.

A utilidade da cadeia de valor

Depois de ver todas as partes de uma cadeia, é possível analisar a cadeia de valor de uma empresa. Para isso, devem-se pesquisar todas as partes para tentar corrigir possíveis falhas. Um dos objetivos deste tipo de análise pode ser a redução de custos, mas é importante que os recortes sejam realizados na parte mais adequada da cadeia. Em uma análise da cadeia de valor, podemos concluir que é aconselhável outsourcing, ou seja, a terceirização de certas atividades por parte de outras empresas.

Imagem: Fotolia. auremar

Relacionados:

  1. Investimentos
  2. Rede Trófica
  3. PIB
  4. Lucro Líquido
  5. Código
  6. Logística
  7. Retail
  8. Processo Produtivo
  9. RNA
  10. Valor de Mercado