Conceito » História » Bósnia e Herzegovina

Bósnia e Herzegovina - Conceito, o que é, Significado

A dissolução da antiga Iugoslávia ocorreu ao longo de quinze anos, mais especificamente entre 1991 e 2006. Durante este período, houve dois acontecimentos destacados e diretamente relacionados: diversos conflitos armados e a independência das seis repúblicas integradas à Iugoslávia. A República da Bósnia-Herzegovina é uma das novas nações surgidas após a Guerra dos Bálcãs.

A criação de um novo estado

Durante a Guerra Fria o território da Iugoslávia era composto por seis repúblicas. Manteve-se unida pela política de unidade do Marechal Tito. Após sua morte, em 1980, começaram a surgir movimentos separatistas de caráter nacionalista.

A Eslovênia e a Croácia foram as primeiras repúblicas a proclamar independência da Iugoslávia em 1991. No ano seguinte, os territórios da Bósnia e Herzegovina aprovaram sua independência em um referendo, mas esta decisão provocou a reação da minoria sérvia.

Durante três anos os sérvios de tradição ortodoxa dominaram a população bósnia muçulmana. Houve uma sangrenta limpeza étnica e um êxodo massivo dos bósnios.

O "Massacre de Srebrenica" e o "Sitio de Sarajevo" foram os episódios mais destacados durante a guerra. A paz foi alcançada em 1995 com os acordos de Dayton (uma das consequências destes acordos foi a distribuição do território da Bósnia-Herzegovina em função da representação das três etnias que habitam o país). Desde então, a comunidade internacional exerce um sistema de proteção para manter a paz e a estabilidade.

Dados de interesse

- O território é formado por três entidades políticas: ao norte está a Bósnia, ao sul a Herzegovina e a República Srpska disseminada por todo o país.

- A população atinge 3,5 milhões de habitantes e a superfície do país é ligeiramente superior a 50.000 quilômetros quadrados.

- Existem três grupos étnicos principais: bósnios (50%), sérvio-bósnios (30%) e bósnio-croatas (15%).

- A religião muçulmana é a maioria e este fato está relacionado com a dominação otomana na região durante o século XIX. Nas ruas de Sarajevo percebe-se a complexidade religiosa do país, pois existem mesquitas muçulmanas, sinagogas judaicas e igrejas ortodoxas e católicas.

- A Primeira Guerra Mundial desencadeou-se na atual capital do país, a cidade de Sarajevo. Em 1914, um jovem bósnio que militava na linha do anarquismo assassinou o arquiduque austríaco Francisco Fernando, herdeiro do Império austro-húngaro.

Imagens: Fotolia. Oleksandr, pyty

Relacionados:

  1. Guerras Iugoslavas (1991-2001)
  2. Império Austro-Húngaro (1867-1919)
  3. Revolução Chinesa (1911 – 1949)
  4. Crime de Guerra
  5. Guerra Fria
  6. Guerra dos Sete Anos
  7. Independente
  8. Guerra do Rife
  9. Bolchevique
  10. Guerras Púnicas