Conceito » Sociedade » Manicura

Manicura - Conceito, e o que é

Algumas partes do nosso corpo transmitem informação sobre nossa forma de ser, inclusive sobre nosso estilo de vida. Este princípio geral pode ser aplicado às mãos. Por este motivo, homens e mulheres realizam manicura, ou seja, o cuidado e o embelezamento das mãos, especialmente das unhas.

Do ponto de vista estritamente lexical, existem duas grafias diferentes, já que na América Latina se utiliza o anglicismo manicure e na Espanha não.

Deve-se destacar, por outro lado, que a pessoa que se dedica profissionalmente ao cuidado das mãos é também uma manicura (no Peru se utiliza o termo manicurista). Estes profissionais exercem sua atividade em centros de estética ou em salões de cabeleireiro.

Procedimentos básicos

Em primeiro lugar, deve-se remover o esmalte. Para retirá-lo, pode-se usar uma substância removedora de esmalte, de preferência sem acetona (este processo é realizado juntamente com o algodão).

O próximo passo consiste em lixar as unhas de forma que todas adquiram o mesmo tamanho e forma.

No próximo passo, aplica-se um creme sobre as cutículas das unhas e em seguida massageia.

Em continuidade, deposita-se cada mão em um recipiente com água morna durante alguns minutos. Nesta fase, consegue-se o amolecimento das cutículas.

Secam-se as unhas e as mãos e, em seguida, elimina-se a pele morta com um bastão de laranja.

Por último, massageia-se a mão com um creme hidratante e finalmente pintam-se as unhas.

Diversas técnicas e primeiras referências históricas

Como qualquer outro cuidado corporal, as técnicas de manicura estão sujeitas às mudanças da moda e às preferências pessoais. Entre os estilos mais conhecidos, destacam-se a manicure francesa, a francesa reversa, as unhas de gel, as unhas decoradas e o tratamento com parafina.

No Egito Antigo, a aparência física era uma questão relevante, especialmente entre as classes dirigentes. Era comum homens e mulheres maquiarem os olhos e cuidarem de suas mãos (segundo alguns testemunhos da antiguidade, a rainha Nefertiti lançou a moda das unhas pintadas de vermelho entre as mulheres da nobreza).

Nos túmulos dos faraós foram encontrados instrumentos de ouro utilizados para o cuidado das unhas. Na China Antiga, as unhas cuidadas não cumpriam apenas uma função estética, pois eram também um símbolo externo de prosperidade e riqueza. Atualmente, cuidar das unhas é considerado uma arte e por este motivo muitos estabelecimentos anunciam esta atividade pelo nome de nail art.

Imagem Fotolia: John Takai

Relacionados:

  1. Hominização
  2. Fisioterapia
  3. Colágeno
  4. Ubersexual
  5. Reiki
  6. Ambidestro
  7. Espírito Santo
  8. Oligoelementos
  9. Manobra de Heimlich
  10. Autocuidado