Conceito » Psicologia » Mandalas

Mandalas - Conceito, o que é, Significado

As mandalas são desenhos ou representações que estão compostas por figuras geométricas utilizadas no budista e no hinduísmo. São símbolos que têm grande efeito terapêutico sobre o estado de ânimo da pessoa. Na verdade, a prática de colorir mandalas é usada no Ocidente como uma técnica de relaxamento e meditação. Os desenhos das mandalas representam pequenos microcosmos, pequenos universos que projetam uma imagem de harmonia e perfeição.

O termo se refere originalmente a um círculo sagrado. Por seu valor espiritual, o passatempo de pintar uma mandala é uma metáfora de viagem interior que todo ser humano pode realizar nas profundezas do seu ser. Existem diversos tipos de formas e figuras, assim como cores diferentes.

Pequenos microcosmos

A mandala tem um centro, quatro pontos cardeais, além de círculos, uma vez que a esfera é o símbolo da perfeição e da harmonia. Esta esfera está conectada com a ordem cósmica de acordo com a cosmologia budista milenar.

A mandala tem um efeito emocional a partir de duas perspectivas

Em primeiro lugar, o simples fato de observar uma mandala, como se fosse um quadro, melhora o nível de atenção e concentração intelectual. Pode ser uma boa distração para deixar de lado os problemas. Por outro lado, está estruturada em diferentes figuras geométricas interligadas.

Os benefícios das mandalas

São muitos os benefícios quando se colore uma mandala: pleno aumento da atenção; eleva a autoestima, pois assim o autor recria o resultado estético da obra; é uma forma de comunicação; uma forma de expressar um sentimento interior ou um estado de espírito ao brincar com as cores; é uma boa rotina antiestresse para colocar os sentimentos em ordem.

São tantos os benefícios da mandala que há uma aplicação prática para diferentes contextos, por exemplo, no campo educacional serve para promover o desenvolvimento intelectual e a autoestima dos alunos. Na verdade, esta rotina se conecta com a própria essência do entretenimento infantil, uma vez que as crianças se divertem com seus desenhos, pinturas e trabalhos manuais.

Inclusive, no contexto da saúde, como meio para canalizar as emoções. Em termos terapêuticos e psicológicos, esta técnica pode ser aplicada também para ajudar o paciente a resolver um conflito emocional através da técnica do autoconhecimento, que conta com alto valor expressivo.

Imagem: Fotolia. Dragon

Relacionados:

  1. Flor da Vida
  2. Harmonia
  3. Veda (escritura religiosa)
  4. Figuras Geométricas
  5. Tetraedro
  6. Isometria
  7. Geometria Espacial
  8. Cores Complementares
  9. Tai chi (Taichi)
  10. Felicidade Espiritual