Conceito » Direito » Bioética

Bioética - Conceito, o que é, Significado

O termo bioética resulta da combinação entre duas disciplinas: a biologia e a ética. Como se sabe, a primeira está focada no estudo da vida e a segunda em uma área da filosofia preocupada com o bem, com os valores humanos e a formalização de normas morais relacionadas aos nossos atos.

A bioética aborda uma questão geral que pode ser expressa por uma série de perguntas dirigidas: todas as possibilidades da medicina são aceitáveis do ponto de vista ético?; a experimentação científica sobre a vida humana deve estar sujeita a algum tipo de limitação moral e jurídica?; os animais têm direitos?; é legítimo um governo impor campanhas de esterilização sobre a população para controlar o crescimento demográfico?

Este tipo de perguntas tem um denominador comum: todas elas precisam de uma reflexão filosófica baseada em princípios éticos.

A origem histórica da bioética

Após a 2ª Guerra Mundial ficaram conhecidas as atrocidades cometidas pelos nazistas no campo de experimentação humana. Com o objetivo de investigar as reações do corpo humano os nazistas usaram os prisioneiros judeus como cobaias em todo tipo de pesquisa com uma justificação científica, por exemplo, em amputações para transplantar membros, em estudos sobre a reação do organismo humano diante de produtos tóxicos, entre outras.

Quando a opinião pública mundial começou a conhecer estes episódios surgiu a necessidade de estabelecer uma nova disciplina que abordasse a questão dos princípios éticos que devem orientar a pesquisa biológica em qualquer de suas áreas.

A questão da manipulação genética

O conhecimento sobre o genoma humano oferece grandes possibilidades terapêuticas, uma vez que muitas doenças de origem genética podem ser curadas atualmente. No entanto, a genética também pode ser utilizada para fins questionáveis do ponto de vista da ética. Neste sentido, nos últimos anos, começaram a debater sobre o doping genético e a clonagem de seres humanos.

Bioética e direito

Do ponto de vista do direito é necessário promover uma reflexão sobre as questões relacionadas com a dignidade da vida humana, a eutanásia, os direitos dos animais e a proteção sobre o meio ambiente.

Deve-se destacar que em todos estes temas já é possível intervir cientificamente, consequentemente, a legislação dos países deve estabelecer limites jurídicos para que não haja abusos ou comportamentos contrários aos valores éticos universais.

Imagem: Fotolia. tilialucida

Próximo - Conceitos >>

Leitores continuaram: