Conceito » Economia » APO

APO - Conceito, o que é, Significado

As siglas APO equivalem à administração por objetivos, uma estratégia empresarial na qual os trabalhadores e os diretores de uma empresa trabalham para atingir objetivos previamente estabelecidos.

Origens e evolução

Esta modalidade comercial surgiu nos Estados Unidos na década de 1950 com o fim de promover um novo modelo de produtividade que respondesse às interferências do governo na atividade comercial. Por outro lado, a administração por objetivos começou a desenvolver-se em oposição ao modelo anterior: a administração por pressão.

O sistema de pressão exercido sobre diretores e gerentes se baseia no controle e no monitoramento de suas ações, mas esta abordagem se demonstra ineficaz. Com o passar do tempo a APO também propôs um método de avaliação com as diversas responsabilidades no trabalho.

Aspectos fundamentais da administração por objetivos

Para conquistar os objetivos empresariais é absolutamente necessário um planejamento. Através de um adequado plano é possível exercer o controle dos processos administrativos utilizados. Todo planejamento implica uma série de etapas: definição da oportunidade empresarial, estabelecimento dos objetivos e possíveis alternativas.

O modelo APO está associado à sistematização empresarial e à ideia de ordem. Neste sentido, com objetivos claramente definidos, é mais viável organizar uma atividade de maneira ordenada.

Este sistema é baseado em uma visão utilitária e pragmática da empresa. Em outras palavras, tudo o que não serve para alcançar objetivos é algo dispensável.

Do ponto de vista da motivação, a APO é considerada um modelo válido, pois permite que trabalhadores e dirigentes tenham interesse em alcançar seus objetivos.

Segundo os especialistas deste modelo, certos requisitos devem ser cumpridos para que sua aplicação seja efetiva:

1) que a equipe diretiva e seus subordinados concordem com o tipo de objetivos definidos;

2) que as metas de curto prazo sejam estabelecidas;

3) uma avaliação permanente dos objetivos através de um sistema de verificação dos mesmos.

Um sistema que não é compartilhado em todas as áreas empresariais

Para alguns especialistas e analistas, este modelo de administração e gestão tem alguns pontos fracos. Em primeiro lugar, o planejamento pode ser imperfeito e, consequentemente, os objetivos marcados deixam de ser válidos. Por outro lado, ao estabelecer certos objetivos, as possíveis iniciativas de tipo alternativo se tornam dificultadas.

Assim mesmo, deve-se destacar que certos objetivos não são facilmente quantificáveis.

Imagem: Fotolia. torokimola

Próximo - Conceitos >>

Leitores continuaram: