Conceito » Ciência » Antropologia Social

Antropologia Social - Conceito, o que é, Significado

A antropologia social é uma disciplina fundamental do conhecimento humano. Esta ciência começou a ser desenvolvida de maneira mais concreta a partir do século XIX. Em sua primeira fase, o objeto de estudo da antropologia social era a sociedade pré-industrial. No entanto, através da evolução social esta ciência também expandiu seu campo de estudo.

Os profissionais que trabalham no campo da antropologia social são especialistas em explorar o conhecimento cultural de um povo

Por exemplo, o estudo de um antropólogo social pode abordar questões específicas como a fé de um povo (ou seja, ideias religiosas), as tendências artísticas dominantes na época, a teoria do conhecimento dominante, as formas de relação social, os valores e crenças que estruturam a ética social, os convencionalismos sociais e as tradições dos povos em determinadas datas.

Assim como outras disciplinas humanas, a antropologia social é um tesouro que permite ao ser humano conhecer-se melhor como parte da sociedade que pertence

Além disso, a antropologia social mostra a riqueza cultural que há no mundo a partir das diferenças presentes nos costumes dos mais variados povos. Ou seja, a cultura como um alimento de espírito é um bem essencial para a evolução, uma vez que é um bem diferente. Um dos métodos de investigação realizado por antropólogos sociais é a observação direta que é fundamental para reunir dados objetivos.

Outro fator, como o idioma de uma região, é vital para formar a antropologia desse local.

O homem é um ser cultural

O sentido da antropologia social parte também da premissa do ser humano como um ser cultural por sua própria natureza. Ou seja, a inteligência, a razão, a sensibilidade e a vontade são habilidades essenciais para a compreensão da vida humana.

Por outro lado, enquanto um ser humano pode ser compreendido de modo individual, a antropologia social é colocada em observação como uma entidade de grupo. Ou seja, a sociedade como estrutura de vida própria se nutre de ritos, costumes, regras e acontecimentos. É impossível compreender o ser humano como uma manifestação de sua própria natureza.

Imagem: Fotolia. Unclesam

Próximo - Conceitos >>

Leitores continuaram: