Subjetivo - Conceito, o que é, Significado

SubjetivoSubjetivo significa toda valorização ou consideração que dependa de uma pessoa. O termo costuma ser oposto ao de objetivo, de modo que este último se refere principalmente ao objeto. Em termos mais amplos, pode-se dizer que o termo subjetivo conota de alguma forma parcialidade e relatividade, enquanto que o termo objetivo conota imparcialidade e certa valorização indiscutível. Na história da ciência existe uma grande polêmica no que se refere à consideração que tenta impor limite na subjetividade e na objetividade. Assim, vale questionar até que ponto nossos conhecimentos são reflexo da realidade, do objetivo e até que aonde pode ser uma limitação para aproximarmos destes fenômenos.

Certamente, desde as origens da filosofia, a questão esteve vigente. Por exemplo, Platão descreve na “Alegoria da Caverna” a maneira que o homem concebe o conhecimento. O homem se encontra amarrado e apenas pode perceber as formas através da projeção da luz do fogo contra várias figuras. De certa forma, o que tenta dizer, é que o conhecimento é uma projeção deformada e com muitas limitações do que está acontecendo. O homem, em uma apreciação subjetiva, apenas pode perceber sombras da realidade. É assim que Platão se aproximou desta noção e de Sócrates sobre a subjetividade que o homem percebe as coisas; isto é um reflexo de um mundo de ideias além do sensível. Por mais estranho que possa parecer, o certo é que é um claro exemplo da limitação do subjetivo.

Este tipo de pensamento que tenta remarcar as limitações do subjetivo seguiu seu rumo na história da filosofia. Hume, por sua vez, estabeleceu que o único que existe no homem são as percepções, que o mundo que dizemos conhecer é apenas uma percepção; em outras palavras, podemos dizer que existe apenas a nossa percepção e que a subjetividade é algo comprovado. Esta afirmação, por mais profunda que pareça, passou a ser criticada nas análises filosóficas, sendo talvez a obra de Kant uma resposta que tenta solucionar o problema. Para isso, existe um fenômeno que nossa subjetividade tenta compreender através de uma peneira de diversas categorias, mas que jamais poderá ser realizada plenamente, pois não se tem uma ideia do que realmente seja.

Próximo - Conceitos >>

Leitores continuaram: