Conceito » Comunicação » Exortar

Exortar - Conceito, o que é, Significado

A ação de exortar se refere ao fato de falar a alguém com a intenção de convencê-la de algo, fazer uma proposta ou animá-la. Normalmente aquele que exorta é um indivíduo que tem certa autoridade sobre os demais.

Um general se dirige ao seu exército antes da batalha através de uma exortação. Da mesma forma, um líder religioso se dirige a seus fieis ou um líder político se dirige a seus seguidores através de certas palavras com as quais procuram transmitir ideais ou sentimentos que sirvam de motivação. De qualquer forma, uma exortação é uma proposta baseada em argumento.

Há três elementos na ação de exortar: uma pessoa que fala, um público e o conteúdo do discurso. Para que as palavras sejam convincentes é necessário que o orador tenha certas qualidades, por exemplo, facilidade da palavra, autoridade moral e intelectual, além de capacidade para conectar-se com os demais.

Se o exortador tem habilidade discursiva, o público presta atenção e muito provavelmente aceita a proposta do discurso. Em relação ao conteúdo, o mesmo será convincente se a mensagem for clara, emotiva e direta.

No âmbito teológico

O termo exortação provém do grego, mais especificamente de paraklésis, que pode ser traduzido como chamamento ou consolação. O Novo Testamento possui diversas referências para este conceito e normalmente menciona o dom de convencer ou animar os outros através das palavras. Neste sentido, Jesus Cristo exortava seus seguidores, ou seja, propunha algo a seus seguidores para reger seu comportamento. Para isso utilizava parábolas que serviam de exemplos para ilustrar seus ensinamentos.

No âmbito militar

Antes do início de uma batalha os soldados sabem que podem morrer. Consequentemente, quem lhes exorta (por exemplo, o general que está no comando) deve persuadi-los para que sejam valentes e decididos. As palavras do general são um tipo de exortação, mais especificamente uma arenga. Na arenga ou sermão se enaltece o animo da tropa através de ideais contundentes, tais como salvar a pátria, lutar em nome de Deus ou lutar pela liberdade de um povo.

Tipos de oradores

Há oradores que conseguem fazer com que sua exortação chegue ao coração daqueles que escutam, enquanto outros são muito chatos. Em geral, há quatro tipos de oradores:

1) aquele que fala somente quando está muito seguro do que vai dizer e seu argumento se baseia na informação rigorosa;

2) aquele que se dirige aos demais com intensidade emocional e certa agressividade;

3) o orador simpático que utiliza o humor para conectar-se com o público;

4) o orador prático cujo propósito é explicar o melhor possível seus ideais.

Imagem: Fotolia. digitmk

Próximo - Conceitos >>

Leitores continuaram: