Desamparo - Conceito, o que é, Significado

DesamparoO desamparo é um sentimento de abandono acompanhado de uma sensação de vulnerabilidade, solidão, tristeza e medo. As pessoas se sentem desamparadas quando não há ninguém que cuide delas, consequentemente precisam de apoio e carinho.

Este sentimento causa uma inquietação interior, pois sente falta de ser cuidado por aquele que supostamente deveria estar presente ou nos abandonou. Todo mundo que não se encontra amparado tem a sensação de sentir-se órfão, assim como tem medo e mal-estar, portanto, está desamparado.

Uma das situações típicas relacionadas ao sentimento de estar desamparado é a emigração

Este é o caso dos emigrantes que se encontram em um país estrangeiro, longe de sua terra e dos seus conterrâneos de língua, assim como dos seus costumes e culturas diferentes. O impacto emocional causado na pessoa pode ser negativo, uma vez que, psicologicamente, o sujeito se sente desarmado e sem amparo dos seus entes queridos.

Na tradição religiosa cristã existe a figura do Anjo da Guarda, este que é enviado por Deus com o objetivo de cuidar dos seres humanos e dar conforto espiritual. Uma das orações mais conhecidas é a do Anjo da Guarda, que afirma literalmente “Não me desampare nem de noite nem de dia”. Nesta oração os cristãos pedem a proteção permanente do seu anjo pessoal.

O desamparo infantil

O próprio desamparo em si pode ocorrer em qualquer circunstância, por exemplo, quando uma pessoa tem uma decepção amorosa ou por causa do falecimento de alguém próximo. Entretanto, o abandono é bastante comum em relação às crianças, neste caso, falamos sobre o desamparo infantil. Deve-se levar em conta que as crianças dependem totalmente dos seus pais. Se por qualquer circunstância uma criança estiver sozinha, ela pode sentir-se órfã e acreditar que foi deixada e que não a querem mais.

Muitos contos infantis tratam o tema das crianças abandonadas, na qual os personagens enfrentam o medo e a angústia de estarem sozinhos. A apelação desta história pretende causar tensão na narração e, paralelamente, chamar a atenção das crianças pequenas que são especialmente sensíveis a esse tipo de ameaça (o desamparo).

Trata-se de uma situação excepcional ou exclusiva da literatura infantil, uma vez que há crianças que passam por essa experiência em diversos contextos como na guerra ou em ambientes de marginalização social.

Imagem: iStock. serdjophoto

Próximo - Conceitos >>

Leitores continuaram: