Conceito » Ciência » Datiloscopia

Datiloscopia - Conceito, o que é, Significado

Cada indivíduo tem na polpa de suas mãos impressões digitais únicas e exclusivas. Este estudo que trata tudo o que está relacionado à identificação das formas das impressões digitais é conhecido como datiloscopia. O objetivo desta disciplina é a identificação de indivíduos.

A origem da datiloscopia e os dactilogramas

O criador desta disciplina foi o investigador policial argentino Juan Vucetich, que no início do século XX introduziu seu sistema no corpo policial de Buenos Aires. Suas pesquisas o levaram a estabelecer quatro tipos básicos de impressões digitais ou dactilogramas, que eram representados por números e letras (as letras maiúsculas para os dedos polegares e os números para o resto dos dedos).

Assim, o núcleo de um polegar tem uma forma de arco na polpa que corresponde a letra A, com um verticilo atribuído à letra V, uma presilha interna para a letra I e outra externa para a letra E. Os demais dedos têm uma identificação numérica conforme o núcleo da polpa do dedo. Este sistema é um dos mais utilizados internacionalmente, embora cada país apresente um padrão específico na identificação datiloscópica.

Por exemplo, o sistema datiloscópico espanhol é baseado no modelo Oloriz, baseado no delta do dedo polegar (adelto no caso de o dedo não ter deltas, dextrodelto quando os deltas estão à direita, sinistrodelto quando os deltas estão à esquerda e bidelto quando existem dois ou mais deltas no dactilograma).

A datiloscopia como técnica de identificação

Esta área se baseia em três princípios gerais:

1) Os desenhos formados pelas cristas papilares da polpa dos dedos têm a característica de ser perenes, ou seja, permanecem por toda a vida do indivíduo. As impressões digitais nunca mudam, portanto, são imutáveis.

2) Há uma variabilidade infinito de formas e desenhos e com um sistema apropriado de classificação é possível identificar qualquer indivíduo.

3) O aparecimento das impressões digitais apresenta três tipos de impressão:

- A impressão modelada que se imprime sobre as matérias plásticas, tinta fresca, gordura ou pomada;

- As impressões visíveis;

- As impressões latentes, das quais são difíceis de perceber sobluz direta e que se encontram sobre vidros, espelhos, móveis polidos ou copos.

Deve-se destacar que sobre certos objetos não se conservam as impressões digitais, como as madeiras não polidas, os metais torneados, os objetos manipulados ou a pele humana.

Imagem: Fotolia. sveta

Relacionados:

  1. Números Romanos
  2. Números Reais
  3. Mecanografia / Datilografia
  4. Números Naturais
  5. Letra de Câmbio
  6. Números Racionais
  7. Braille
  8. Alfabeto Grego
  9. Alfabeto Fonético Internacional
  10. Língua Espanhola