Conceito » Religião » Califado Abássida

Califado Abássida - Conceito, o que é, Significado

Após a morte do Profeta Maomé em 632 d. C foi nomeado o primeiro califa ou líder religioso do Islã, que é considerado o sucessor de Muhammad, envidado de Alá. Neste sentido, o califado é uma forma de governo da comunidade muçulmana na qual se combinam política e religião.

O Califado Abássida (750-1258)

A dinastia dos abássidas se considerava descendente dos Abbas, um dos tios do profeta Maomé. No século VIII houve uma insatisfação com a dinastia dos Omíadas. Após um período de revoltas, os abássidas derrotaram os omíadas e estabeleceram um novo califado inspirado pela tradição sunita. Durante seu longo domínio no território muçulmano os califas se impuseram sobre outras tendências do Islamismo, especialmente os xiitas.

O período dos califas de abássidas apresenta as seguintes características:

1) uma etapa de crescimento e desenvolvimento da vida urbana,

2) o florescimento da filosofia e da ciência,

3) uma intensa atividade comercial e artesanal,

4) novos sistemas de irrigação para melhorar as colheitas.

Por outro lado, os califas instituíram uma monarquia islâmica cuja sede se encontrava na cidade de Bagdá, atual Iraque.

Para os abássidas o califa representava toda a autoridade, uma vez que era líder religioso e ao mesmo tempo juiz e administrador da comunidade muçulmana. Para facilitar o controle do califado nos vastos territórios foram criados diversos poderes regionais e administrativos, como o cargo de vizir, diwan, ou emir.

Um dos califas abássidas mais famosos foi Harun al-Rashid, um líder lendário que manteve relações diplomáticas com Carlos Magno e se tornou personagem dos contos de "As Mil e Uma Noites".

O poder dos abássidas não abrangia todo território muçulmano da época, pois havia estados praticamente independentes (entre eles deve-se destacar o Emirado Omíada de Al-Andalus). Um dos governadores provinciais (os emires) que governava o Al-Andalus, Abderrahman III, proclamou-se califa e assim de desvinculou do califado abássidas.

O fim da dinastia abássida

A partir do século IX o califado abássida começou uma lenta fase de declínio, já que o poder do califado não podia controlar todos os conflitos em seus territórios (emirados independentes, a situação de Al-Andalus e as pequenas dinastias regionais). Com o tempo, apenas o califa mantinha um poder puramente simbólico.

Finalmente, o último califa dos abássidas foi assassinado em 1258 por ordem de khan dos mongóis, que ocuparam a cidade de Bagdá.

Imagem: Fotolia. Erica Guilane-Nachez

Próximo - Conceitos >>

Leitores continuaram: