Conceito » Cultura » Hikikomori

Hikikomori - Conceito, o que é, Significado

No contexto da cultura japonesa dos últimos anos surgiu um novo fenômeno social: pessoas que de maneira voluntária decidem isolar-se da sociedade como um todo e se confinam entre as paredes do seu quarto ou de seu próprio lar. Quem toma esta decisão recebe o nome de hikikomori, que em japonês significa isolamento ou reclusão.

Embora a origem deste fenômeno se encontre no país nipônico, existem casos por todo o planeta.

Um perfil geral

É uma tendência que afeta normalmente aos jovens que não têm irmãos e é mais comum em homens do que em mulheres. O hikikomori não tem nenhuma atividade social relacionada ao estudo, ao trabalho ou ao entretenimento social. Em certas ocasiões tem um contato mínimo com os familiares mais diretos.

A vida dessas pessoas se resume basicamente dentro do quarto, vendo televisão e jogando videogame. O contato com outras pessoas é realizado apenas através de fóruns da Internet (é comum ter contato com outros hikikomoris).

Acredita-se que um indivíduo seja portador desta síndrome quando se mantém confinado em seu quarto por um período mínimo de seis meses. Segundo estudos realizados, o tempo médio de isolamento é de três anos.

Como regra geral estas pessoas pertencem a famílias abastadas e, no caso do Japão, é comum que as mães dos hikikomoris não trabalhem fora de casa (na cultura japonesa a figura materna tem um papel muito singular, já que muitos jovens são emocionalmente dependentes de suas mães).

Não há uma causa única para explicar a reclusão extrema

Sua origem pode ter relação com alguma decepção pessoal, com o medo de gente, hiperproteção materna, fracasso escolar ou algum distúrbio psicológico. Por outro lado, no caso do Japão, deve-se levar em conta que alguns pais educam seus filhos de maneira muito rígida e esta circunstância pode ocasionar uma rejeição levando-os à reclusão.

Alguns estudos sobre esse fenômeno acreditam que o isolamento voluntário dos jovens tem relação direta com o medo que sentem diante das exigências do mundo profissional.

Esta síndrome apresenta diferentes graus. Existem hikikomoris que mantêm algum contato social, enquanto que outros levam o isolamento ao extremo.

Outras formas de isolamento social

No mundo antigo, os anacoretas cristãos se afastavam da sociedade de maneira temporária ou em definitivo com o fim de alcançar um estado de plenitude espiritual e uma maior conexão com Deus. Os eremitas e religiosos que vivem em regime de clausura também têm uma vida isolada. Aqueles que sofrem de antropofobia ou fobia social também evitam o contato com outras pessoas.

Imagem: Fotolia. Julia Tochilina

Próximo - Conceitos >>

Leitores continuaram: